"Baliza dos adversário do FC Porto assemelha-se às de hóquei em patins"

Amaral considera que Depoitre "não tem condições para jogar no FC Porto" e que Adrián López foi um "erro".

© Global imagens 
Desporto Amaral

O FC Porto somou, esta quarta-feira, frente ao Belenenses, para a jornada inaugural da fase de grupos da Taça da Liga, o seu quarto empate consecutivo sem qualquer golo marcado, fazendo aumentar para 430 minutos o tempo sem faturar.

PUB

Em declarações à Antena 1, Amaral, antigo guarda-redes dos dragões, brinca com a situação, ainda que reconheça que “os níveis de ansiedade são enormes”: “A baliza dos adversários do FC Porto, neste momento da temporada, assemelha-se às de hóquei em patins”.

“Mesmo não jogando bem, a equipa esforça-se, luta, mas depois quando até marca mas o golo é invalidado, ou um penálti não é marcado, isso agrava ainda mais os níveis de ansiedade”, lamenta o ex-atleta, que aponta, ainda, erros à construção do próprio plantel.

“Depoitre não tem condições para jogar no FC Porto, Adrián López foi outro erro. Depois a juventude de Diogo Jota, André Silva, Corona e Oliver Torres não consegue gerir os níveis de ansiedade”, concluiu.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS