Meteorologia

  • 17 JUNHO 2024
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 22º

"Espírito corajoso". Biden congratula Portugal por 50 anos de democracia

O presidente dos Estados Unidos da América, Joe Biden, congratulou hoje Portugal pelo "espírito corajoso" com que fez a Revolução dos Cravos, há 50 anos, que permitiu o regresso da democracia.

"Espírito corajoso". Biden congratula Portugal por 50 anos de democracia
Notícias ao Minuto

19:42 - 25/04/24 por Lusa

Mundo 25 Abril

"Congratulo o Presidente e o povo de Portugal pelos 50 anos do retorno da democracia e celebro o espírito corajoso alimentado pela Revolução dos Cravos e o triunfo sobre o autoritarismo. Este marco sublinha o duradouro compromisso de liberdade e democracia partilhado pelos nossos países", escreve Joe Biden numa carta enviada ao Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Na missiva, divulgada pela Casa Branca, o Presidente norte-americano diz que Portugal "está entre os primeiros países que reconheceu os Estados Unidos da América", após a revolução e lembrou que os fundadores americanos "brindaram a celebração da independência com vinho da Madeira".

"Os fortes e duradouros laços transatlânticos entre os nossos países, incluindo a ligação na NATO, enquanto aliados, forma uma base de valores partilhados e de mútuo respeito que só é fortalecida pelos 233 anos de relações diplomáticas", destacou.

Joe Biden agradeceu ainda a "liderança de Portugal" e "a parceria com os EUA, na promoção global das normas democráticas".

"Juntos, encarámos desafios e forjamos uma parceria resiliente que continua a florescer no século XXI", escreveu o presidente norte-americano.

Nos EUA, refere Joe Biden, "a diáspora portuguesa desempenhou um papel fundamental na formação da cultura e economia através da língua, música, cozinha e empreendedorismo" americanos.

O Presidente destaca igualmente que "os lusodescendentes nos EUA têm dado contributos significativos na democracia" do seu país em áreas como a educação, saúde, tecnologia e também enquanto membros do Congresso.

Enaltece também o trabalho dos lusodescendentes presentes nos EUA com a "criação de emprego, alimentando a inovação contribuindo para o crescimento e vitalidade" do país que preside.

"Enquanto celebramos os 50 anos do regresso da democracia a Portugal, estamos ansiosos por um futuro ainda mais marcado por fortes laços e pela continuação de colaboração nos nossos valores comuns e na partilha do empenho dos princípios dos valores democráticos", remata Joe Biden.

[Notícia atualizada às 20h14]

Leia Também: Centenas de milhares de pessoas desfilaram em Lisboa no 25 de Abril

Recomendados para si

;
Campo obrigatório