CEO da Apple reuniu-se com líder de campanha de Hillary Clinton

Numa das últimas publicações de e-mails da campanha da candidata presidencial fica a saber-se que Tim Cook teve uma reunião privada com John Podesta.

© DR
Tech WikiLeaks

A estratégia utilizada por Hillary Clinton na corrida à presidência tem sido desvendada a pouco e pouco, tudo graças à publicação de e-mails trocados com o seu líder de campanha, John Podesta. Numa das últimas publicações fica a saber-se que o CEO da Apple, Tim Cook, está presente nestes e-mails.

PUB

“O escritório do Tim [Cook] pediu para hoje uma reunião 1:1, que é uma forma simpática de dizer ‘sem outro pessoal’. Penso que com este temos de proceder com cautela. Ele apoia mas é novo nisto e penso que não devemos ser muito agressivos”, pode ler-se nos e-mails de Podesta.

A reunião terá sido, portanto, privada entre os dois mas os temas em discussão podem ter sido desvendados por outros e-mails. O balanço entre vigilância e segurança nacional, uma possível reforma a nível de patentes assim como a neutralidade na internet foram apenas alguns, sendo provável que mais seja revelado na relação entre a área tecnológica e Clinton.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS