Meteorologia

  • 11 DEZEMBRO 2019
Tempo
12º
MIN 8º MÁX 15º

Edição

Suspeito de ter apedrejado homem de 65 anos no Seixal fica em preventiva

O suspeito de ter apedrejado outro homem provocando-lhe a morte, na segunda-feira, no Seixal, distrito de Setúbal, ficou em prisão preventiva, anunciou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Suspeito de ter apedrejado homem de 65 anos no Seixal fica em preventiva
Notícias ao Minuto

19:15 - 22/10/19 por Lusa

País Seixal

Os factos tiveram lugar ontem [segunda-feira], no concelho do Seixal, quando o presumível autor, na via pública e na sequência de desavenças de longa data, agrediu fisicamente e apedrejou violentamente a vítima, um outro homem, com 65 anos de idade, provocando-lhe morte imediata", adiantou aquela força de segurança, em comunicado.

Paralelamente, a PJ também se encontra a investigar um incêndio ocorrido na residência da vítima, que "pode estar relacionado com o diferendo".

Segundo a força policial, deste incêndio "resultou a necessidade de 14 habitantes do prédio receberem assistência hospitalar".

Em declarações à Lusa, na segunda-feira, fonte da PSP adiantou que foi chamada por causa de um incêndio, mas ao chegar ao edifício, no Seixal, deparou-se com um homicídio, tendo as testemunhas afirmado que "viram o suspeito a bater com pedras na vítima".

De acordo com o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Setúbal, o alerta para o incêndio foi dado às 13:49, para uma habitação na praceta Almeida Garrett, no Seixal, tendo o edifício sido evacuado de imediato.

Deste incidente, resultaram "14 vítimas transportadas para o Hospital Garcia de Orta", em Almada, por "inalação de fumos", além de outras três vítimas que foram assistidas no local e "um cadáver que supostamente sofreu agressões".

O CDOS indicou também que a vítima mortal era proprietário da residência onde o incêndio começou e que esta habitação "foi a única que ficou danificada".

O suspeito, de 47 anos, detido na segunda-feira, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo sido decretada a medida de coação de prisão preventiva.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório