Meteorologia

  • 20 NOVEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 11º MÁX 16º

Edição

Evra chama "bebés" a jogadores do Arsenal: "São bonitos, mas..."

Patrice Evra não vê "liderança", "caráter" ou "personalidade" na equipa orientada por Unai Emery.

Evra chama "bebés" a jogadores do Arsenal: "São bonitos, mas..."
Notícias ao Minuto

06:50 - 22/10/19 por Notícias Ao Minuto 

Desporto Patrice Evra

Patrice Evra concedeu, na noite de segunda-feira, uma extensa entrevista à estação televisiva britânica Sky Sports, onde abordou vários temas, entre elas a inesperada derrota sofrida pelo Arsenal diante do recém-promovido Sheffield United, por 0-1.

O antigo internacional francês recordou que costumava chamar "bebés" aos jogadores dos gunners aquando da passagem pelo Manchester United, algo que mantém até aos dias de hoje.

"Eles são bonitos, mas não parecem uma equipa vencedora. Gostam de jogar bom futebol, mas ficava muito feliz ao jogar contra eles, porque sabia que ia ganhar", recordou o ex-lateral-esquerdo.

"Quando o Robin van Persie chegou, apertei-lhe a mão e disse 'Bem-vindo a um clube de homens'. Ao início ficou chateado, mas passado um mês disse-me 'Tinhas toda a razão, Patrice'. Não vejo liderança, não vejos caráter, não vejo personalidade. Eles parecem mentalmente fracos", acrescentou.

Patrice Evra assumiu que Unai Emery dispõe de "grandes jogadores", como "David Luiz, Pierre-Emerick Aubameyang e Alexandre Lacazette", mas sublinha que "algo tem faltado há já alguns anos": "Nada muda e eu penso 'Onde está o Arsène [Wenger]?'. É a mesma coisa".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório