A verdadeira motivação dos hackers adolescentes. E não é o dinheiro

A moral e o desejo de impressionar os seus pares são o que realmente move os mais jovens que se dedicam ao hacking.

© Getty
Tech Crime

Quando se houve falar em hackers e em invasões de sistemas informáticos é comum pensar-se que o objetivo é roubar dados com algum fim malicioso. Quem sabe extorquir dinheiro ou roubar dados de cartão de crédito. Aparentemente, não é esse o caso quando se tratam de hackers mais jovens.

PUB

Quem o diz é a Agência Nacional de Crime do Reino Unido que, através de um estudo feito a adolescentes percebeu que o que move os hackers mais jovens não é dinheiro. Os entrevistados com uma média de idades de 17 anos apontou a moral e o desejo de impressionar os seus pares com as suas capacidades de hacking.

“Conquistar um desafio, provares-te a um grupo e ter a satisfação intelectual são motivações mais importantes que ganhos financeiros”, indica o relatório da entidade governamental de acordo com o The Guardian.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser