Meteorologia

  • 11 DEZEMBRO 2019
Tempo
11º
MIN 9º MÁX 14º

Edição

Distrital do PSD da Guarda dá "apoio inequívoco" a Rui Rio

A Comissão Política Distrital do PSD da Guarda anunciou hoje que declara "apoio inequívoco" a Rui Rio na disputa interna, por considerar que é o candidato que "mais adequadamente serve os interesses do PSD e do país".

Distrital do PSD da Guarda dá "apoio inequívoco" a Rui Rio
Notícias ao Minuto

15:16 - 15/11/19 por Lusa

Política Rui Rio

A distrital do PSD, presidida por Carlos Peixoto, refere em comunicado hoje enviado à agência Lusa que os seus membros decidiram manifestar "apoio inequívoco e incondicional à recandidatura de Rui Rio para presidente do partido".

"A decisão tomada teve em consideração a importância que esta eleição assume para o futuro do partido e partiu da ponderação de que Rui Rio é atualmente o candidato que mais adequadamente serve os interesses do PSD e do país", é justificado.

Segundo a nota, Rio é "uma personalidade determinada, autêntica, genuína, séria e com enorme sentido de Estado, colocando sempre os interesses do país à frente de qualquer tática pessoal ou partidária".

A estrutura distrital do PSD/Guarda considera ainda que o atual líder nacional do partido é "o único candidato que tem a oportunidade de fazer uma oposição construtiva, combativa e permanente na Assembleia da República".

Acrescenta que é também um líder "que já reconheceu valer a pena ?comprar uma guerra' pelo desenvolvimento do Interior, sendo conhecida a sua sensibilidade para os dois maiores desafios que o país atravessa, a demografia e a coesão territorial", que "muito dizem" à região da Guarda.

Ainda de acordo com a nota, a deliberação surgiu num momento em que já são conhecidos os candidatos à liderança do PSD, o que "permitiu a todos os membros fazerem uma consciente e cuidada reflexão".

A distrital do PSD/Guarda considera também que sendo as eleições autárquicas uma "prioridade absoluta para o partido", Rui Rio é "o homem certo para gerir o próximo processo eleitoral autárquico, face à enorme experiência de que é detentor neste domínio".

As eleições diretas para a escolha do presidente do PSD foram agendadas para 11 de janeiro e o congresso nacional realiza-se entre 07 e 09 de fevereiro, em Viana do Castelo.

Até ao momento, há três candidatos: Rui Rio, o atual presidente; Luís Montenegro, ex-líder parlamentar; e Miguel Pinto Luz, vice-presidente da câmara de Cascais, distrito de Lisboa.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório