Meteorologia

  • 21 NOVEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 16º

Edição

Alimentação. DECO quer que 'nutri-score' seja obrigatório na Europa

Trata-se de uma sinalética que classifica a qualidade dos alimentos. De acordo com a DECO, em Portugal já há alimentos com o nutri-score.

Alimentação. DECO quer que 'nutri-score' seja obrigatório na Europa

A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (DECO) quer que o 'nutri-score' seja obrigatório na Europa e, por isso, apoia uma petição para exigir uma tomada de posição por parte da Comissão Europeia, de acordo com um comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso. 

"Precisamos de um milhão de assinaturas, incluindo 15.750 em Portugal, para sermos ouvidos. Pedimos aos consumidores portugueses que apoiem um Nutri-score europeu assinando esta petição", aponta a Associação. 

Trata-se de um logótipo retangular, com cinco cores (verde, verde-claro, amarelo, laranja e vermelho), ligadas, por sua vez, às letras A a E. O objetivo é, através da escala, mostrar a qualidade nutricional dos alimentos e, ao mesmo tempo, facilitar a interprestação

"O nutri-score ajuda os consumidores a reconhecer rapidamente os produtos nutricionalmente mais interessantes. É por isso que queremos que seja obrigatório a nível europeu e que os consumidores nos ajudem a atingir este objetivo assinando a petição", acrescenta ainda a DECO. 

O nutri-score foi adotado em França em 2016, onde foi integrado num grande estudo de comportamento de compra, tendo-se revelado mais eficaz que outros sistemas de rotulagem simplificada, como por exemplo, o semáforo nutricional ou o sistema nórdico.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório