Apesar das concessões, "PS não ensandeceu politicamente"

Vital Moreira descreve o que seria, na sua opinião, um Orçamento do Estado desenhado pelo Bloco de Esquerda.

© Global Imagens
Política Vital Moreira

Ainda no rescaldo da apresentação do Orçamento do Estado para o próximo ano, Vital Moreira usa o seu blogue Causa Nossa para se pronunciar a este respeito.

PUB

Assim, o constitucionalista começa por dizer que “felizmente” este “não é o Orçamento do Bloco de Esquerda”, pois se fosse “aumentaria o rendimento de toda a gente, salvo dos ‘grandes capitalistas’, que seriam objeto de tributação expropriatória”.

“Apesar desse aumento de impostos, o défice duplicaria, à conta de um ainda maior aumento da despesa. A denúncia do Tratado Orçamental e o anúncio de uma reestruturação unilateral da dívida - os dois grandes objetivos políticos do BE - fariam disparar os juros desta. O país começaria a ter rapidamente dificuldade em financiar os gastos públicos. O investimento estrangeiro fugiria, os capitais emigrariam, a economia entraria em recessão, o desemprego aumentaria”, escreve.

Nesta senda, Vital Moreia garante que o Bloco seria obrigado a pedir um resgate, mas, “ao contrário de Tsipras na Grécia, recusaria as duras condições de austeridade orçamental impostas (…) e convocaria Varoufakis para preparar, num fim de semana, a saída do euro e o regresso do escudo”.

O desfecho, garante, só poderia ser uma “autarcia financeira” com Portugal a transformar-se numa “Venezuela sem petróleo, no meio do empobrecimento generalizado e na iminência do caos social e político”.

“É este o cenário idílico do tal ‘orçamento de Esquerda’ à moda do Bloco de Esquerda”, aponta, congratulando-se com o facto de o Partido Socialista, apesar das concessões feitas, não ter “ensandecido politicamente, nem se ter enamorado das sereias da irresponsabilidade orçamental”.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser