Finalista do Miss Itália mostra cara depois de ter sido atacada com ácido

Gessica Notaro fez a sua primeira aparição pública num programa de televisão. Diz que “os seus traços faciais mantêm-se” apesar do ataque com ácido.

Mundo Itália

Gessica Notaro ©

Gessica Notaro © Gessica Notaro/Facebook

1 / 2
Gessica Notaro

Gessica Notaro ©

1 / 2
© DR

Infelizmente não é uma notícia nova. São conhecidos vários casos de mulheres atacadas com ácido pelos antigos companheiros.

PUB

Gessica Notaro é uma das vítimas deste tipo de ataques. A finalista do concurso Miss Italia de 2007 foi atacada pelo ex-namorado, em janeiro. Jorge Tavares, cabo-verdiano, despejou uma garrafa com ácido sobre Gessica. A modelo sobreviveu, mas vai carregar para sempre as marcas deste ataque: tanto as cicatrizes exteriores como as interiores.

Mas isso não impediu Gessica de aparecer num programa de televisão italiano e mostrar a sua cara. Inicialmente, a jovem tapou a cara com um cachecol e o apresentador do programa, Maurizio Constanzo, até lhe disse que não teria de mostrar a cara se isso a deixasse mais confortável. Mas Gessica destapou a cara e disse: “Eu quero que vejam o que ele me fez. Isto não é amor.”

Gessica passou dois meses no hospital e ainda tem uma longa recuperação à sua frente. Vai ter de esperar um ano até ter recuperado o suficiente para fazer a primeira cirurgia plástica. Mas apesar de tudo o que já passou, Gessica teve um discurso corajoso e otimista: “A minha cara ficou arruinada mas os meus traços faciais mantêm-se. A minha boca está intacta. Tal como o meu nariz. Continuo a reconhecer-me ao espelho.”

O ex-namorado que a atacou, Jorge Tavares, está em prisão preventiva há dois meses, enquanto aguarda pelo julgamento. Mas Gessica insiste que não quer vingança e diz que apenas quer que ele a veja e que veja o que lhe fez.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser