Pelo menos sete mortos em incêndios em zona turística dos EUA

Pelo menos sete pessoas morreram nos incêndios que deflagraram numa região turística e montanhosa no sul dos Estados Unidos, forçando milhares de pessoas a sair da zona, noticiaram vários 'media' norte-americanos.

© Reuters
Mundo Seca

Os incêndios florestais são alimentados pela pior seca em quase uma década no estado do Tennessee e por ventos violentos, ameaçando nomeadamente o parque temático da cantora 'country' Dolly Parton.

PUB

O parque Dollywood situa-se em Pigeon Forge, perto do parque nacional das Great Smoky Mountains, o mais visitado nos Estados Unidos.

O governador do Tennessee, Bill Haslam, declarou o estado de emergência para facilitar a ajuda às vítimas dos incêndios, tempestades e tornados que, desde segunda-feira à noite, estão a destruir a região oriental do estado.

Os sete mortos ainda não foram identificados, mas as autoridades indicaram que três vítimas das chamas foram encontradas numa casa, uma quarta num hotel, enquanto outras três estavam no mesmo bairro, de acordo com o jornal local Knoxville News Sentinel.

Cerca de 45 pessoas receberam cuidados num hospital da região, disse a mesma fonte.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, apresentou "condolências pelas vidas perdidas no incêndio", num telefonema para o governador, referiu a Casa Branca, em comunicado divulgado na quarta-feira à noite.

Obama manifestou também preocupação pelos residentes e prometeu a "ajuda necessária para combater o fogo".

Ao todo, 26 incêndios ativos destruíram cerca de 4.855 hectares de terras e florestas no Tennessee, explicou o departamento de Agricultura do estado.

A cidade de Gatlinburg, no condado de Sevier, é alvo de um mandado de evacuação obrigatória e ao todo 700 casas e empresas nos arredores foram destruídos pelas chamas durante esta semana, disse o presidente da câmara da cidade, Larry Waters, citado pelo jornal.

Cerca de 14 mil pessoas foram retiradas só de Gatlinburg, disseram responsáveis na terça-feira.

 

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS