Meteorologia

  • 13 MAIO 2021
Tempo
19º
MIN 12º MÁX 21º

Edição

Polícia argelina impede manifestação dos estudantes e detém dezenas

A polícia argelina impediu hoje pela segunda semana consecutiva a manifestação dos estudantes na capital e deteve dezenas de pessoas antes do início do desfile, indicou a agência noticiosa AFP.

Polícia argelina impede manifestação dos estudantes e detém dezenas
Notícias ao Minuto

17:44 - 04/05/21 por Lusa

Mundo Argélia

As forças policiais estavam posicionadas desde o início da manhã, e com um numeroso contingente, no centro da capital e ruas adjacentes.

Há uma semana os polícias tinham já impedido os estudantes de se manifestarem como vinha sendo habitual todas as terças-feiras, uma ação repressiva inédia desde o reinício no final de fevereiro das marchas do movimento de protesto 'Hirak'.

Na ocasião também procederam a diversas detenções.

Os manifestantes detidos na passada terça-feira foram libertados após serem forçados a assinar um documento na esquadra no qual se comprometiam renunciar à participação nas marchas semanais, sob pena de detenção em caso de reincidência, indicou Said Salhi, vice-presidente da Liga Argelina dos Direitos Humanos (LADDH).

Segundo o Comité Nacional para a Libertação de Detidos (CNLD), mais de 70 pessoas estão atualmente nas prisões por acusações relacionadas com o 'Hirak' ou as liberdades individuais.

Este movimento de contestação de massas, inédito e sem uma direção política visível, surgiu em fevereiro de 2019 através de mobilizações de rua nas terças e sextas-feiras, para contestar o quinto mandato do ex-Presidente Abdelaziz Bouteflika, que resignou ao cargo dois meses depois.

O movimento, que registou uma pausa de cerca de um ano devido à pandemia, exige ainda uma alteração radical do sistema instalado no país na sequência da independência em 1962, com largo predomínio da hierarquia militar, acusada de ter renunciado aos valores originais da revolução argelina e sinónimo de autoritarismo e corrupção.

Leia Também: Tragédia no Mediterrâneo evidenciou falhas e inação da resposta europeia

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2021 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório