Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2018
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 16º

Edição

Mostrou o dedo do meio a Trump e acabou por ser despedida

Mulher já pediu ajuda à União Americana das Liberdades Civis para contestar o despedimento.

Mostrou o dedo do meio a Trump e acabou por ser despedida
Notícias ao Minuto

22:09 - 06/11/17 por Patrícia Martins Carvalho

Mundo Polémica

Julie Briskman, de 50 anos, ficou famosa depois de ter sido fotografada a mostrar o dedo do meio à comitiva do Presidente Donald Trump que passou por ela quando andava de bicicleta em Sterling, no estado da Virginia.

A imagem foi captada por um fotógrafo da agência AFP e logo dominou os media e as redes sociais. Face à exposição, Julie decidiu informar os recursos humanos da empresa onde trabalhava, a Akima, mas ao contrário do que estava à espera a fotografia acabou por ter consequências negativas e graves.

Em entrevista ao Huffington Post, Juli contou que no dia seguinte a ter informado os recursos humanos foi informada de que havia sido despedida por ter violado a política de redes sociais da empresa.

Esta violação, explicou, prendia-se com a imagem que entretanto havia partilhado nas suas páginas das redes sociais e que a empresa considerou como “obscena”.

Juli ainda argumentou, defendendo que não estava a trabalhar quando a imagem foi captada, mas de nada serviu, pois a empresa trabalha com o Estado e os responsáveis consideraram que seria prejudicial manter a funcionária no ativo.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório