Meteorologia

  • 18 AGOSTO 2018
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 21º

Edição

"Homem mais odiado da América" incorre em pena de até 20 anos de prisão

Conhecido por ter aumentado em mais de 5.500% o preço de um medicamento, Martin Shkreli é considerado culpado de fraude nos mercados.

"Homem mais odiado da América" incorre em pena de até 20 anos de prisão
Notícias ao Minuto

21:33 - 04/08/17 por Notícias Ao Minuto 

Mundo Martin Shkreli

Martin Shkreli pode enfrentar até 20 anos de prisão depois de ter sido considerado culpado por tribunal nova-iorquino de várias irregularidades financeiras. De acordo com o The New York Times, Shkreli é acusado de fraude, conspirar para cometer fraude e conspirar para realizar transferências fraudulentas.

Recorde-se que o empresário de 34 anos de idade tornou-se conhecido em 2015 por ter adquirido a patente de um medicamento para o combate a doenças como a Sida, o cancro ou a malária e ter aumentado o preço em mais de 5.500%. Cada comprimido de Darapim custava 12 euros e passou a custar mais de 600 euros. Foi nesta altura que a BBC o chegou a apelidar de “o homem mais odiado da América”, um rótulo que colou.

Não foi, no entanto, por causa do Darapim que Martin Shkreli se viu a braços com a justiça. Seria detido em dezembro de 2015 por ter em curso, alegadamente, um espécie de ‘esquema Ponzi’, recorrendo a fundos de investimento.

Durante o julgamento, no tribunal federal de Brooklyn, durante as últimas semanas, foi acusado pela procuradora-geral Alixandra Smith de dizer “mentiras atrás de mentiras”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.