Meteorologia

  • 14 NOVEMBRO 2019
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

O leitor perguntou: É permitido comer massa à noite?

Combate as insónias e não engorda – ao contrário do que se acreditava até agora, um prato de massa ao jantar não é um mal a ser evitado a todo custo, aponta um novo estudo.

O leitor perguntou: É permitido comer massa à noite?
Notícias ao Minuto

20:00 - 18/10/19 por Liliana Lopes Monteiro  

Lifestyle Comer massa

De facto, comer massa à noite – 80 gramas no máximo – é benéfico para a saúde, relaxa e não engorda, segundo uma pesquisa realizada por uma equipa de investigadores do Brigham and Women Hospital, em Boston, nos Estados Unidos.

No artigo científico publicado no periódico The Lancet, os investigadores argumentam que a massa consumida nas últimas horas do dia não resulta na acumulação de gordura e ajuda a dormir. Tudo graças ao triptofano e às vitaminas B contidas no alimento.

"A massa é um excelente aliado à noite especialmente se nos sentimos stressados, se sofremos de insónias ou se nos queixamos de distúrbios da síndrome pré-menstrual. Nestes casos a ingestão de massas promove o consumo de insulina que, por sua vez, facilita a absorção de triptofano, o aminoácido precursor da serotonina e da melatonina, que regulam o humor e o ritmo do sono",  explica Luca Piretta, nutricionista e gastroenterologista, membro do Conselho de Administração da Sociedade Italiana de Ciência dos Alimentos, em declarações à organização Unione Italiana Food. 
O nutricionista destaca apenas que há limites: "80 gramas é o ideal. Não abuse!". 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório