Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2018
Tempo
28º
MIN 28º MÁX 28º

Edição

Henry Cavill vai deixar cair a capa do Super-Homem

As negociações entre o ator e a Warner Bros. para aparecer num dos próximos filmes da DC falharam e o britânico não deve voltar a envergar o S ao peito. O Universo DC deve assim ser reiniciado.

Henry Cavill vai deixar cair a capa do Super-Homem
Notícias ao Minuto

16:38 - 12/09/18 por Fábio Nunes 

Cultura Cinema

Ao contrário do Universo Cinematográfico da Marvel, cujos filmes vão de vento em popa, o Universo da DC já não estranha as críticas e as más notícias. Resta apenas saber se esta será considerada uma má notícia pelos fãs dos super-heróis e dos vilões da DC.

Segundo o The Hollywood Reporter, Henry Cavill vai deixar de ser o Super-Homem. O meio de informação cita fontes próximas do processo e está a avançar que as negociações entre a Warner Bros. e o ator britânico para um 'cameo' no filme 'Shazam!' caíram por terra. Mas mais do que não aparecer num dos próximos filmes da DC, a expectativa é que Cavill deixe de usar a capa do Super-Homem.

Os filmes em que a personagem apareceu ('Man of Steel', 'Batman v. Superman' e 'Justice League') não foram os sucessos de bilheteira que a Warner e a DC esperavam. Para se ter uma ideia, o mais bem sucedido deste três filmes foi 'Batman v. Superman' que gerou receitas de 873 milhões de dólares (cerca de 752 milhões de euros) a nível mundial. Um dos últimos filmes da Marvel, 'Avengers: Infinity War', obteve receitas de 2 mil milhões de dólares (1,7 mil milhões de euros).

Mas o pior é que os filmes não conquistaram as críticas nem os fãs e a interpretação de Henry Cavill como Clark Kent/Super-Homem esteve longe de agradar. 

Motivos que já estariam a levar a DC a querer reiniciar o seu Universo Cinematográfico. A Warner Bros. quer apostar num filme da Super-Mulher, o que em termos cronológicos afasta um ator com a idade de Cavill (35 anos). Mas o The Hollywood Reporter também refere que o ator terá alegado motivos de agenda para que as negociações não chegassem a bom porto. De recordar que recentemente Cavill chegou a acordo para protagonizar a série 'The Witcher' da Netflix.

Sem Cavill como Super-Homem e com Ben Affleck pouco inclinado para voltar a ser Batman, o Universo da DC deverá sofrer grandes mudanças, que até podem servir para reerguer os seus filmes e aproximar a DC da sua grande rival, a Marvel.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório