Meteorologia

  • 21 MAIO 2018
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 16º

Edição

Centro de Madrid com sistema inédito de ruas pedonais de sentido único

Os milhares de pessoas que vão às compras no centro de Madrid nesta época natalícia têm de respeitar um sistema inédito de ruas pedonais de sentido único que tem levantado um grande debate e não agrada a todos.

Centro de Madrid com sistema inédito de ruas pedonais de sentido único
Notícias ao Minuto

12:13 - 18/12/17 por Lusa

Mundo Espanha

A medida excecional, que a autarquia inaugurou no início de dezembro e que está em vigor apenas nos fins de semana, feriados e vésperas, é tomada por razões de segurança: o objetivo é minimizar os riscos associados à necessidade de uma hipotética evacuação daquelas ruas.

"No que diz respeito aos comerciantes, é mau. Porque as pessoas passam e não entram. Por exemplo, a minha rua é inclinada e as pessoas vão para baixo" com grande velocidade, disse Sérgio à agência Lusa à porta da sua loja de perfumes, reconhecendo, mesmo assim, que "em caso de evacuação (...) é melhor, mais inteligente".

A medida vigora apenas durante a época de Natal, altura em que as lojas do centro da cidade se enchem de madrilenos, espanhóis de outras regiões e alguns turistas.

"É a coisa mais tonta que se pode imaginar", disse Eduardo à pressa, a correr atrás da mulher que já desaparecia mais à frente, engolida pela multidão.

O acesso a duas das principais artérias que desembocam na Porta do Sol, a rua dos Preciados e a rua Carmen, é regulado para que os peões circulem em sentido único.

"Para mim, não tem muito sentido", afirmou Daniel, dando como exemplo o caso de uma pessoa querer ir de uma loja a outra, "num caso pode e noutro tem de dar uma grande volta".

No último sábado, a polícia decidiu ativar o sistema a partir das 19:00, quando era já grande a confusão associada à quantidade de pessoas, principalmente famílias, a fazer as suas compras de Natal.

Algumas dezenas de polícias instalaram-se na entrada das vias para permitir a entrada ou saída no fluxo de pessoas apenas num sentido.

"Sim, para a segurança de todos, está bem, está bem", repetiu Manuel a segurar os filhos, depois de a polícia lhe ter indicado que tinha de dar a volta por uma outra rua para poder ir para uma loja ali mesmo ao pé.

A grande afluência de pessoas no metro também levou a direção desta empresa a impor o sentido único em certas portas de entrada e saída da estação Sol.

As forças de ordem apenas explicam o sentido do tráfego a muitos peões que não compreendem a lógica da medida, sem multar os que conseguem escapar ao controlo.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.