Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2021
Tempo
22º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Eleições: Atletismo e política, Berlim vive dia de maratonas

Berlim tem pela frente um dia histórico de maratonas, com a habitual corrida anual de atletismo, três eleições e um referendo.

Eleições: Atletismo e política, Berlim vive dia de maratonas
Notícias ao Minuto

08:49 - 26/09/21 por Lusa

Mundo Eleições Alemanha

Tal como no resto país, os berlinenses votam hoje nas eleições gerais com vista a escolher um novo governo e o sucessor de Angela Merkel, mas além dessas duas cruzes, do voto direto e indireto, terão de fazer mais quatro.

Até aqui com um governo formado por uma coligação de esquerda, com o Partido Social Democrata alemão (SPD), os Verdes, e A Esquerda, o estado federado de Berlim escolhe hoje um novo executivo.

Tal como o país enfrenta o fim de uma era, depois de 16 anos de governação Merkel, Berlim também se despede do seu líder, o autarca Michael Müller (do SPD), que desta vez concorre para um lugar no Bundestag (o parlamento alemão).

A capital alemã escolhe ainda os responsáveis pelos seus doze distritos, uma votação que acontece a cada cinco anos.

A sexta, e última cruz, vai para um referendo consultivo acerca da expropriação das sociedades imobiliárias que detenham mais de 3.000 habitações na cidade. A votação surge depois de uma petição que recolheu mais de 346 mil assinaturas.

As grandes sociedades imobiliárias são acusadas de estar na base do problema, dado que apenas 15% dos berlinenses são proprietários do seu alojamento e há vários motivos para isso suceder, como o crescente interesse pela cidade e o consequente aumento da procura.

Mas há ainda outros fatores que contribuem para esta tendência como o uso do mercado imobiliário como um ativo altamente produtivo, o ritmo lento de novos projetos de construção na cidade, e a crise de 2008 e a pandemia de covid-19, que levaram a que mais investidores privados e institucionais optassem pela compra de ativos sólidos e fiáveis como um imóvel.

Mas além da corrida eleitoral há outra: cerca de 25.000 atletas são esperados na anual Maratona de Berlim.

Leia Também: Alemanha: O fim da era Merkel e as incertezas de uma nova era política

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório