Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2018
Tempo
33º
MIN 31º MÁX 35º

Edição

Bruno Nogueira sobre 'Supernanny': "Preferia ser adotado pela IURD"

O humorista comentou o mais recente programa da SIC e não poupou nas críticas.

Bruno Nogueira sobre 'Supernanny': "Preferia ser adotado pela IURD"
Notícias ao Minuto

20:10 - 16/01/18 por Rita Alves Correia 

Fama Comediante

O programa 'Supernanny' continua a ser alvo de críticas. A mais recente aposta da SIC já mereceu a aversão de psicólogos e especialistas, e agora também de ator e comediante, Bruno Nogueira. 

Esta terça-feira, aproveitou o espaço na rúbrica 'Mata-Bicho', da Antena 3,  para comentar o programa, que não poupou à sátira. 

"Quando todos achávamos que os programas de televisão já tinha descido ao grau abaixo de esgoto, eis que a SIC começou a emitir no domingo o programa 'Supernanny'", começou por dizer. 

Bruno considera que o mais grave não são "os pais precisarem de ajuda para educar os filhos", mas sim "valerem-se da exposição pública dos filhos e da sede de sangue de um canal para resolver a questão".

Ainda no seu 'comentário', o humorista abordou uma outra polémica recente - a das alegadas adoções ilegais na Igreja Universal do Reino de Deus - para expor a sua indignação. "Eu preferia ser adotado pela IURD do que ter pais que me inscrevessem na 'Supernanny'", afirmou. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as notícias dos famosos, realeza, moda e as mulheres mais elegantes.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de atores, atrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.