Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2022
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 17º

Alojamento Local no Porto com taxa de ocupação até 55% para 'réveillon'

A taxa de ocupação do Alojamento Local no Porto para a Passagem de Ano 2022 está entre os 50% e 55%, com maior procura dos apartamentos T3 e T4, avançou hoje a Associação de Alojamento Local de Portugal.

Alojamento Local no Porto com taxa de ocupação até 55% para 'réveillon'
Notícias ao Minuto

16:41 - 25/11/22 por Lusa

Economia Porto

Em entrevista à agência Lusa sobre as expectativas para o setor do Alojamento Local (AL) no Porto para o próximo 'réveillon', Eduardo Miranda, presidente da Associação de Alojamento Local de Portugal (ALEP), disse que, ao dia de hoje, os valores estão entre os "50% a 55%" de taxa de ocupação.

"Em geral estamos a falar em termos 50 a 55% de ocupação, o que dá uma perspetiva de chegar aos 70 a 75% de ocupação".

Há, contudo, uma diferença de ocupação dos AL na cidade do Porto, no que diz respeito aos segmentos de apartamentos.

O segmento dos apartamentos maiores, como os T3 e T4, tem atualmente uma taxa de ocupação a rondar os 70%.

"Podemos chegar aos 80%", assume Eduardo Miranda.

No segmento dos apartamentos T0 e T1, as ocupações estão "mais baixas", entre os "40% a 45%".

A expectativa é que mais perto das datas da Passagem de Ano, a taxa de ocupação desse segmento de T0 e T1 suba aos "70% a 75%", acredita o presidente da ALEP.

"Com a pandemia, acentuou-se a tendência de reservas muito em cima da hora dos apartamentos menores e a uma parte significativa das reservas desses apartamentos aparecem nas últimas duas ou três semanas", explica.

A procura de AL para a época festiva do 'réveillon' começa logo no dia 26 de dezembro, a seguir ao Natal, e dia 27 é quando começa realmente o período do fim do ano, que depois vai até 1 ou 2 de janeiro, explica Eduardo Miranda, assinalando que o Natal é uma data menos procurada para este setor.

A taxa de ocupação no mercado de AL do Porto para 2022 deve ficar um "pouco abaixo de 2019" -- ano antes da pandemia e que serve de ponto de referência ao setor -, e acompanha muito de perto o número de passageiros do Aeroporto Sá Carneiro", acrescenta, concretizando que a diferença será de "3% a 4%".

Leia Também: Aprovado agravamento do IMI para AL em zonas de pressão urbanística

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório