Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2018
Tempo
23º
MIN 22º MÁX 24º

Edição

Galeria Oitavo celebra primeiro aniversário com exposição de 18 artistas

A Galeria Oitavo, no Porto, celebra no sábado o primeiro aniversário com uma exposição que integra um total de 18 artistas, de áreas que vão da fotografia à ilustração, pintura, multimédia e arte urbana.

Galeria Oitavo celebra primeiro aniversário com exposição de 18 artistas
Notícias ao Minuto

17:30 - 12/01/18 por Lusa

Cultura Porto

Com obras de 18 artistas, a mostra ocupa "a casa toda, com fotografia, ilustração, pintura, algumas peças de 'mixed media', a projeção de um filme da Luísa Sequeira, e ainda a recolha de assinaturas para o partido político do MaisMenos", projeto de intervenção de Miguel Januário, explicou à Lusa Rita Vila Chã, que, com Francisco Moura Relvas, é fundadora e curadora da galeria que ambos criaram na própria casa, no oitavo piso da Cooperativa dos Pedreiros.

Entre os nomes representados, destaque para obras de Ana Seixas, Adriano Ramos, Rita Roque, Mariana Baldaia ou Ana João Machado, do 'graffiter' Hazul, ou do músico Ivo Monteiro, do projeto Indio Kurtz, cujo primeiro álbum foi editado pela Oitavo, entre outros nomes.

A exposição de aniversário estará patente "até março, quando entrar a nova mostra", sendo que o próximo projeto já tem artistas confirmados e "algumas peças especiais", que serão divulgadas nas próximas semanas.

"Quando criei a galeria com o Francisco, nenhum de nós tinha pensado no tipo de dimensão que íamos conseguir. Foi uma coisa que achámos que faltava na cidade", explicou a fundadora, que olha para o primeiro ano de funcionamento como "um ano de aprendizagem, uma espécie de ano zero".

Com "mais noção do que se pretende fazer", a Galeria Oitavo vai continuar a apostar nas mostras próprias e em "trabalhos fora, no Porto, noutras cidades e noutros países", sendo que já têm vários projetos alinhados para 2018 que ainda não podem divulgar.

"No primeiro ano, a Galeria Oitavo evoluiu tanto, e fizemos tantas coisas que não estávamos à espera de fazer, que é um bocado difícil construir planos mais longos. Vai ser um ano essencial para o desenvolvimento da galeria, mas ainda é um bocado difícil de prever como será", explicou.

Há quase um ano, a 04 de fevereiro, era inaugurada a primeira exposição do projeto, "In.formalidades", com cerca de 200 pessoas a passarem pelo novo espaço, com trabalhos de José Faria, Miguel Refresco, Flora di Martino, Pedro Ponciano ou José Augusto Martins.

Segundo a apresentação do projeto, a Galeria Oitavo, "mais do que um espaço, é também uma incubadora de ideias e potencialidades", o que tem levado mostras curadas pela equipa a vários locais, como o Maus Hábitos, no Porto.

Um deles foi o palacete principal do antigo Hospital Pediátrico Maria Pia, com "Déjà-vu", exposição inaugurada a 01 de julho de 2017, que contou com obras de 21 artistas e foi visitada por cerca de 500 pessoas.

A mostra explorou o passado do edifício e colocou-o em confronto com a situação económica do país, com trabalhos de Júlio Dolbeth, Rita Castro Neves, Ana Aragão e Mariana Sendas, entre outros.

No futuro, "a curto prazo", a equipa vai "explorar um novo conceito" nas exposições que acolhe, com o tamanho das peças mais pequeno e com preços mais baratos, "sempre abaixo dos 100 euros", para facilitar o acesso "a toda a gente".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório