Teresa Leal Coelho? Passos será responsabilizado, diz Marques Mendes

Luís Marques Mendes acredita que a candidatura de Teresa Leal Coelho vai refletir-se, em última instância, sobre Pedro Passos Coelho.

© Global Imagens
Política Autárquicas

Luís Marques Mendes reagiu este domingo à oficialização de Teresa Leal Coelho como candidata do PSD à Câmara Municipal de Lisboa. Recorde-se que Miguel Pinto Luz, presidente da Distrital de Lisboa, anunciou aos jornalistas que a candidatura à Câmara da capital da vice-presidente do PSD recebeu 23 votos a favor, dois brancos e um contra.

PUB

O antigo líder do PSD sublinhou que, relativamente à pessoa de Teresa Leal Coelho, “é uma pessoa com qualidades, combativa, muito frontal, com grande experiência política e parlamentar”.

Em relação à aceitação pouco consensual da sua candidatura, Marques Mendes indica que Teresa Leal Coelho, “em grande medida, está a ser vítima das circunstâncias”, pois “toda a gestão política” do processo de anúncio de uma candidatura foi “mais ou menos desastrosa”.

“Demorou uma eternidade até chegar este anúncio”, explicou. O comentador afirmou que, por causa dessa demora, esperava-se “um coelho na cartola”, o que acabou por não acontecer. Acabou, assim, por se criar “a ideia de que ela é uma solução de recurso”.

Por outro lado, acredita Marques Mendes, esta é “decisão quase solitária do líder”, pois trata-se de “uma pessoa do seu círculo político mais intimo, sua amiga pessoal”. Ou seja, “se as coisas correrem bem o mérito é do líder, se correram mal a culpa, a responsabilidade é do líder”, alertou.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser