Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2018
Tempo
14º
MIN 14º MÁX 14º

Edição

CDS-PP questiona Governo sobre falta de enfermeiros em Viseu

O deputado do CDS-PP Hélder Amaral perguntou hoje ao ministro da Saúde quando serão contratados mais enfermeiros para o Centro Hospitalar Tondela - Viseu (CHTV) para que não se verifique um colapso dos serviços.

CDS-PP questiona Governo sobre falta de enfermeiros em Viseu
Notícias ao Minuto

16:38 - 08/06/18 por Lusa

Política Hélder Amaral

Na pergunta feita ao governante, Hélder Amaral pede confirmação da carência de enfermeiros no CHTV, "tendo em conta que tal situação coloca em causa a qualidade dos cuidados de enfermagem prestados à população do distrito de Viseu", e questiona que medidas está [o Governo] a tomar para resolver esta carência.

"Nos últimos dias, o CHTV voltou a ser notícia, desta feita pela concentração de meia centena de enfermeiros e algumas dezenas de cidadãos, que se manifestaram à porta do Hospital de Viseu para reclamar a contratação imediata de mais profissionais, sob ameaça de colapso dos serviços se tal não acontecer", refere.

No entender do grupo parlamentar do CDS-PP, trata-se de "uma situação de extrema preocupação, já que coloca em causa o bem-estar e a qualidade do atendimento aos utentes do CHTV".

Já em janeiro, o deputado do CDS-PP tinha questionado o ministro da Saúde sobre este assunto, na sequência de um alerta do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses.

Na resposta do gabinete do Ministro da Saúde, de 02 de fevereiro de 2018, pode ler-se que "o pedido de contratação de novos enfermeiros será efetuado à medida que as necessidades o exijam, mormente as decorrentes de interrupções do exercício profissional por doença, licença de parentalidade, gravidez de risco, etc.".

"Não existiu, nem existe no CHTV, qualquer problema a este nível, razão por que não foi, nem é necessário, tomar qualquer medida extraordinária neste campo", referia ainda a resposta.

O CDS/PP lamenta que, no entanto, passados quatro meses, se verifique que "o problema não só existe, como se agravou, não havendo até à data qualquer resposta conhecida por parte da tutela".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório