Meteorologia

  • 13 NOVEMBRO 2018
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 18º

Edição

Subiu para 51 número de doentes infetados com Legionella

Direção-Geral de Saúde atualiza para 51 o número de infetados com a Doença dos Legionários. Seis estão internados nos Cuidados Intensivos.

Subiu para 51 número de doentes infetados com Legionella

A Direção-geral de Saúde (DGS) informou, através da sua página oficial, que o número de doentes infetados por Legionella subiu para 51, sendo que seis encontram-se internados na Unidade de Cuidados Intensivos.

A autoridade de saúde revela na mesma comunicação outras estatísticas, como dados preliminares e ainda sujeitos a validação: 13 doentes já tiveram alta clínica, 26 estão atualmente internados em enfermaria e um doente está na urgência.

Recorde-se que já morreram cinco pessoas em consequência do surto da Doença dos Legionários no Hospital de São Francisco Xavier, que começou no dia 31 de outubro. As mortes ocorreram a 6 (dois óbitos), 9, 10 e 12 de novembro.

Todos os casos de infeção com a bactéria 'Legionella pneumophila' têm mais de 40 anos de idade e têm história de doença crónica e/ou fatores de risco, sendo que a faixa etária com mais casos (31 doentes) é entre os 70 e os 89 anos de idade.

A 'legionella' é responsável pela doença dos legionários, uma forma de pneumonia grave que se inicia habitualmente com tosse seca, febre, arrepios, dor de cabeça, dores musculares e dificuldade respiratória, podendo também surgir dor abdominal e diarreia. A incubação da doença tem um período de cinco a seis dias depois da infeção, podendo ir até 10 dias.

A infeção pode ser contraída por via aérea (respiratória), através da inalação de gotículas de água ou por aspiração de água contaminada. Apesar de grave, a infeção tem tratamento efetivo.

[Notícia atualizada às 18h38]

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório