Meteorologia

  • 21 JUNHO 2021
Tempo
21º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Portuguesa morta à facada por marido em França

Vítima deixa órfão um filho de 8 anos, de um anterior relacionamento.

Portuguesa morta à facada por marido em França

Uma portuguesa de 46 anos foi morta, na passada sexta-feira, pelo marido em Dijon, França, deixando órfão um filho de 8 anos, de um anterior relacionamento.

De acordo com o jornal Le Bien Public, o alegado homicida, Sébastien Clouet, gestor da empresa de comboios de França (SCNF) terá matado Glória Lourenço com 15 facadas, disferidas no peito e pescoço, na casa de ambos.

Ainda segundo a mesma publicação, antes de se suicidar, o suspeito terá ligado à ex-mulher a confessar os factos.

Esta não foi a primeira vez que o francês, pai de um jovem de 18 anos, foi agressivo com uma mulher. Sébastian tinha sido condenado a uma multa, em 2017, por violência doméstica contra a ex-mulher, depois desta apresentar queixa na polícia. Já Glória nunca tinha apresentado queixa contra o companheiro.

Além disso, o francês já era conhecido na Justiça por outras razões. Em 2019 foi condenado a pena suspensa por realizar escavações arqueológicas sem autorização. Era colecionador de artefactos antigos e armas antigas e tinha em curso um processo criminal contra ele por posse irregular de armas de coleção. Em setembro do ano passado, foi ainda acusado de furto.

Leia Também: Prisão preventiva para suspeito de homicídio em Estarreja

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório