Meteorologia

  • 21 SETEMBRO 2017
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 17º

Edição

Polícia investigada por uso desproporcionado de força contra protestantes

O ministro do Interior e Justiça da Venezuela, Néstor Reverol, anunciou, na segunda-feira que as autoridades iniciaram uma investigação à polícia pelo uso "indevido e desproporcionado de força" contra manifestantes opositores.

Polícia investigada por uso desproporcionado de força contra protestantes
Notícias ao Minuto

06:56 - 20/06/17 por Lusa

Mundo Venezuela

"Na avenida Sul de Altamira ocorreu um facto irregular que está sob investigação. Várias pessoas ficaram feridas e uma faleceu por arma de fogo. Como hipótese principal, dentro da investigação iniciada, suspeita-se do uso indevido e desproporcionado da força", escreveu o ministro na sua conta do Twitter.

"Novamente condenamos a violência e o incitamento à insurreição que a oposição venezuelana tem feito com estas manifestações. Qualquer informação será dada a conhecer de imediato, assim como a aplicação implacável da justiça aos responsáveis", precisou.

Um jovem de 17 anos morreu, na segunda-feira, depois de agentes das forças de segurança atacarem a tiro uma manifestação da oposição, em Altamira, Chacao, no leste de Caracas.

Esta morte eleva para 75 o número de pessoas que, segundo o Ministério Público, foram assassinadas na Venezuela, em 80 dias de protestos contra o regime do Presidente Nicolás Maduro.

Segundo as autoridades locais, durante a repressão das forças de segurança, pelo menos 117 pessoas ficaram feridas, quatro delas com tiros, nos municípios de Chacao e Baruta (leste e sudeste da capital, respetivamente).

Na Venezuela, as manifestações a favor e contra o Presidente Nicolás Maduro intensificaram-se desde 01 de abril último, depois de o Supremo Tribunal de Justiça divulgar duas sentenças que limitavam a imunidade parlamentar e em que aquele organismo assumia as funções do parlamento.

Entre queixas sobre o aumento da repressão, os opositores manifestam-se ainda contra a convocatória a uma Assembleia Constituinte, feita a 01 de maio último por Nicolás Maduro.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório