Áudio confirma: avião estava em "falha total" e "sem combustível"

Um áudio de cerca de 11 minutos, divulgado esta quarta-feira pela Blu Radio, da Colômbia, revela que o avião que transportava a equipa do Chapecoense estava em "falha total", com falhas elétricas devido à falta de combustível.

Mundo Chapecoense

Áudio confirma que avião estava em "falha total" e sem combustível © Youtube/Discurso ed

Áudio confirma que avião estava em "falha total" e sem combustível © Reuters

1 / 2
Autoridades confirmam seis sobreviventes do acidente aéreo na Colômbia
© Reuters

A gravação, daquela que foi a última conversa do piloto com a torre de controlo, mostra o Miguel Quiroga a relatar a falta de combustível e a pedir várias vezes para aterrar, momentos antes do acidente que provocou a morte de 71 pessoas.

PUB

O primeiro pedido é feito logo aos dois minutos de gravação. À solicitação do piloto, a torre de controlo responde que a aterragem seria feita na "oportunidade" seguinte, sete minutos depois, porque havia uma emergência com outra aeronave - um airbus da Viva Colombia. Por isso, é dito ao piloto do avião do Chapecoense para que se mantivesse no ar, sendo autorizada a aproximação da tal aeronave.

Ao minuto nove, ouve-se o piloto a gritar que o avião "está em falha total, falha total elétrica, sem combustível".

"Pista livre e com chuva à superfície. Bombeiros acionados", responde a controladora. Na sequência da conversa, o pioloto pede à torre de controlo as coordenadas para aterrar, ao que lhe é perguntado a altitude do avião.

"9 mil pés, senhorita. Direção, direção... ", são as últimas palavras gravadas do piloto.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS