Rússia recruta os sem-abrigo para combater terroristas em Moscovo

Trata-se de uma estratégia do gabinete de contra-terrorismo da Rússia, tendo em conta o facto de o país estar em alerta elevado devido à ameaça terrorista chamada Estado Islâmico.

© Reuters
Mundo Iniciativa

Os sem-abrigo de Moscovo vão ser treinados a identificar ameaças à segurança nacional nas ruas da cidade.

PUB

A informação é avançada por uma instituição de solidariedade social que considera a ideia interessante.

“Um projeto similar foi desenvolvido recentemente na cidade de Tyumen, na Sibéria. Nós consideramos interessante esta ideia de aplicar o mesmo projeto em Moscovo”, disse o responsável Ilya Kuskov, citado pelo site Russia Today.

Os sem-abrigo serão enviados para um abrigo especial onde tutores lhes vão ensinar a identificar os mais variados explosivos e onde se devem dirigir quando encontrarem tais dispositivos.

Em Moscovo existem cerca de 13 mil pessoas a viver na rua e agora o governo quer aproveitar estes recursos para, tendo em conta o estilo de vida que levam, identificarem possíveis ameaças à cidade e ao país.

Por estarem sempre na rua, os sem-abrigo têm a vantagem de passarem despercebidos e poderem ouvir conversas alheias e observar comportamentos suspeitos.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS