Meteorologia

  • 16 JULHO 2020
Tempo
39º
MIN 25º MÁX 39º

Edição

AO MINUTO: "Hoje é dia de prova de cidadania". Arranca debate na AR

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: "Hoje é dia de prova de cidadania". Arranca debate na AR

Portugal regista hoje 1.447 mortes relacionadas com a Covid-19, mais 11 do que na terça-feira, e 33.261 infetados, mais 366, o maior registo diário em quase um mês, segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, onde se tem registado maior número de surtos, há mais 335 casos de infeção (+2,9%).

A região Norte continua a registar o maior número de infeções, totalizando 16.804, seguida pela região de Lisboa e Vale do Tejo, com 11.828, da região Centro, com 3.765, do Algarve (376) e do Alentejo (260).

pandemia do novo coronavírus já causou a morte a pelo menos 380.428 pessoas e infetou mais de 6,3 milhões em todo o mundo desde dezembro

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no resto do mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

15h25 - Este registo terminou. Para continuar a acompanhar clique aqui.

15h20 - Médico francês que aconselhou hidroxicloroquina alvo de queixa. O controverso médico francês Didier Raoult, que promoveu a hidroxicloroquina como um tratamento eficiente contra a Covid-19, foi alvo de uma queixa depois de um colega ter afirmado que os pacientes estavam a receber o medicamento de forma ilegal.

De acordo com o jornal Le Canard Enchaîné, o queixoso, também especialista em doenças infeciosas, mandou uma carta às autoridades no início de abril onde alegava que Raoult deu o medicamento a doentes em ensaios clínicos sem o seu consentimento "livre e claro", conforme é requerido por lei. A Agência Nacional do Medicamento francesa terá levado a cabo uma investigação independente e concluiu que os pacientes de Raoult não estavam a ser corretamente informados.

15h13 - Já começou o debate quinzenal. Os 'Verdes' abriram o debate quinzenal com o primeiro-ministro e vão centrar-se nas medidas de combate à Covid-19 e no relançamento da economia, na véspera da aprovação pelo Governo do seu programa de estabilização económica e social. Pode assistir em direto aqui:

14h55 - Ainda a conferência da DGS. Cerca de 6.000 trabalhadores, num universo de 18.100, fazem hoje testes à Covid-19, anunciou o secretário de Estado da Saúde, referindo-se ao plano em curso nas empresas da Grande Lisboa, maioritariamente na Azambuja.

14h38 - Há 8 concelhos com mais de mil casos de Covid-19 em Portugal. Saiba quantos há no seu

14h37 - O Rali da Finlândia, previsto para decorrer entre 6 a 9 de agosto, foi cancelado, devido à pandemia de Covid-19, anunciaram hoje os promotores do mundial de ralis (WRC).

14h28 - Os equipamentos de proteção de plástico usados contra a Covid-19 estão a criar um "tsunami" de resíduos que vai a caminho do oceano, avisou hoje a associação ambientalista WWF, que lançou uma campanha em Espanha pedindo civismo.

14h25 - Atualização nos Açores. Os Açores tiveram, nas últimas 24 horas, uma recuperação de infeção por SARS-CoV-2, de um doente do Nordeste, em São Miguel, ficando "extinta a última e maior cadeia de transmissão local registada na região".

14h14 - Conferência da DGS. Graça Freitas dá um exemplo de um caso que requereu retificação, para explicar porque é que os números podem apresentar discrepâncias. "Ontem tivemos um caso que foi reportado na Madeira. A Madeira reportou esse caso e considerou como da Madeira. Hoje se forem ver o boletim, o caso não está na Madeira. Trata-se de um jovem da Madeira, provavelmente ainda terá lá residência, mas que estuda na região Centro, em Coimbra, creio. E para ir para a Madeira foi-lhe exigido um teste, que fez na região Centro. A Madeira ontem considerou esse caso como importado do Continente, mas hoje decidiu que não, porque ele reside agora no Continente. Hoje esse caso contou para Coimbra. Isto é difícil perceber quando se olha só para os números", disse, sublinhando que as discrepâncias não são necessariamente erros, mas sim afinações.

14h10 - Conferência da DGS. O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, deu conta de que "chegam hoje a Portugal 108 ventiladores, prevendo-se que, até sábado, cheguem mais 335 destes equipamentos em voos sequenciais".

14h02 - Conferência da DGS. "Por princípio da precaução, mantém-se que os jogos de futebol não tenham público", disse Graça Freitas, referindo-se ao regresso dos jogos da I Liga, que acontece hoje. "Estas situações podem ser revistas à luz da evolução da epidemia nos próximos dias ou das próximas semanas", garantiu. "Mas queria dizer que as decisões foram tomadas em tempos diferentes, com realidades epidemiológicas diferentes, e que agora, à data de hoje, a realidade epidemiológica é ela própria distinta do que era há 15 dias", afirmou.

"Eu diria em relação ao futebol que hoje é o grande dia da grande prova de cidadania que todos teremos que dar. Volto a dizer que foi muito importante para o nosso país retomar a liga de futebol, terminar a temporada. Está nas mãos de todos que a jornada decorra tranquila e sem riscos para a Saúde pública", acrescentou.

13h59 - Conferência da DGS. Graça Freitas explicou, relativamente aos dados reportados de Sintra, que a DGS "reporta os dados que lhes chegam". "Durante 4 dias nao tivemos acesso a esses dados", explicou a diretora-geral de Saúde, justificando a atualização tardia dos mesmos.

13h49 - Acompanhe aqui, em direto, a conferência de imprensa da Direção-geral de Saúde:

13h43 - Atualização em Portugal. O relatório da situação epidemiológica, com dados atualizados até às 24:00 de terça-feira, indica que Portugal registou nas últimas 24 horas mais 11 mortes relacionadas com a Covid-19, cifrando-se o número total em 1.447. O número desce ligeiramente em relação a terça-feira (12), em que se registavam 1.436 mortos, sendo a variação de 0,8%.

Relativamente ao número de casos diagnosticados de infeção, foram contabilizados no último dia mais 366 casos, elevando-se o número total para 33.261, o que representa um aumento de 1,11% em relação ao dia anterior. É o maior aumento de novos casos desde 8 de maio (em que se registaram 553 novos casos).

13h37 - Eleições em tempo de pandemia. Esta terça-feira, no meio de uma pandemia (e de uma revolta social), ocorreram as primárias, em vários estados norte-americanos. Em baixo, uma fila para votar no Novo México.

Notícias ao MinutoFila para votar no Novo México© REUTERS/Paul Ratje

13h23 - Nova Zelândia no 12.º dia sem novos casos. Há uma apenas uma pessoa a recuperar da doença e não está hospitalizada, de acordo com as autoridades, citadas pela imprensa local. O governo neozelandês considera, agora, abandonar as medidas de contenção que ainda vigoram até à próxima semana, excetuando os controlos na fronteira. 

13h19 - Atualização a nível global. A pandemia do novo coronavíruscausou a morte a pelo menos 380.428 pessoas e infetou mais de 6,3 milhões em todo o mundo desde dezembro, segundo um balanço da agência AFP baseado em dados oficiais dos países.

13h00 - Programas que combatem vírus no Iémen estão em risco. O alerta é da ONU que lembra que a ajuda ao país mais pobre do mundo árabe ficou mil milhões de dólares aquém do que as organizações de auxílio precisavam - 2,4 mil milhões de dólares (2,1 mil milhões de euros) - para cobrir as atividades essenciais de junho a dezembro.

"Isto dificultará seriamente os esforços para conter o surto, que já se está a espalhar rapidamente", disse Hayat Abu Saleh, porta-voz do responsável da ONU para a Coordenação de Assuntos Humanitários. Pelo menos 31 importantes programas da ONU no Iémen, incluindo setores como a alimentação e os cuidados de saúde, estão em "risco sério de uma significativa redução ou encerramento" já este mês.

12h52 - Porque a saúde oral não deve ser esquecida, a Direção Geral de Saúde partilha algumas recomendações que deve ter em conta numa ida ao dentista

12h45 - A segunda vaga de Covid-19 pode ser evitada, mas a humanidade terá de viver algum tempo com a infeção, porque ainda não há uma vacina, assegurou hoje o diretor regional da Organização Mundial de Saúde para a Europa.

"A segunda vaga não é algo inevitável, apesar de cada vez mais países levantarem as restrições e de existir um claro risco de ressurgimento do surto", afirmou Hans Kluge durante uma teleconferência de imprensa.

12h34 - Regresso da I Liga, PSP vai estar atenta às imediações dos estádios, a aglomerados de adeptos, e aos aeroportos. Numa conferência de imprensa de antevisão do retomar do campeonato nacional de futebol, que arranca esta quarta-feira no Estádio do Famalicão, a PSP apelou "à responsabilidade social" e ao "cumprimento das regras sanitárias", salientando que estão proibidas no país "concentrações superiores a 20 pessoas" e na Área Metropolitana de Lisboa estão limitadas a dez pessoas.

"O comportamento que todos tiverem será fundamental para o normal decorrer da competição até ao final", afirmou Luís Elias, superintendente da PSP, afirmou que a perspetiva da autoridade é de serem "facilitadores" e de garantirem "a segurança de todos, numa altura em que a época vai decorrer como nunca até hoje".

12h31 Profissionais de saúde espanhóis recebem Prémio Princesa das Astúrias. Os profissionais de saúde espanhóis que estiveram em contacto direto com os doentes da Covid-19 foram distinguidos hoje, em Oviedo, Espanha, com o Prémio Princesa das Astúrias da Concórdia 2019, pelo seu "profissionalismo e empenho".

12h29 - Oficial: António Costa Silva foi nomeado pelo Governo para desenhar os trabalhos em torno do programa de recuperação da economia portuguesa, de acordo com um diploma publicado em Diário da República, esta quarta-feira.

12h24 - Estudo sobre hidroxicloroquina em causa. A revista médica The Lancet distanciou-se do criticado estudo que publicou sobre a hidroxicloroquina, reconhecendo num aviso formal que "questões importantes" pairavam sobre este trabalho, que está a ser alvo de uma auditoria lançada pelos autores.

O estudo em questão levou à suspensão de ensaios clínicos de hidroxicloroquina em todo o mundo, pois concluiu que o medicamento não é benéfico para pacientes hospitalizados com Covid-19 e pode até ser prejudicial.

12h10 - Atualização na Bélgica. A Bélgica registou nas últimas 24 horas um recuo no número de novos casos de Covid-19, para 70, e de mortes, para 17, segundo dados oficiais hoje divulgados, preparando-se para entrar em mais uma fase de desconfinamento.

12h05 - A região de Madrid, a mais atingida em Espanha pela Covid-19, registou 6.007 mortes desde 8 de março nas residências dos serviços sociais da cidade devido à pandemia, que não estão contabilizados nos dados gerais anunciados diariamente.

11h51 "Podíamos ter feito melhor", admite responsável por combate na Suécia. "Se encontrássemos a mesma doença, sabendo o que sabemos hoje, acho a resposta seria um equilíbrio entre o que a Suécia fez e o que o resto do mundo fez", referiu Anders Tegnell, epidemiologista responsável por delinear a estratégia de combate ao novo coronavírus no país.

11h40 - Os alunos norte-coreanos regressaram às escolas esta quarta-feira de manhã, munidos de máscara e de flores vermelhas comemorativas. Numa escola primária de Pyongyang, as crianças viram as suas temperaturas medidas e tiveram que lavar as mãos antes de entrar na sala de aula.

11h34 - Espanha com mais 43 mil mortos do que no ano passado. Morreram em Espanha, apenas nas primeiras 21 semanas de 2020, mais 43.945 do que no mesmo período do ano passado, de acordo com dados do Instituto Nacional de Estatística espanhol, citado pelo El Mundo. Este aumento de 24,1% na mortalidade (sem atentar a causas) reflete o impacto da pandemia, salvarguardando o INE que os números já voltaram aos valores de 2019.

10h53 - Atualização na Indonésia. A Indonésia regista hoje mais 684 novos casos de infeção por Covid-19, fixando-se o número total em 28.233. O país contabiliza agora 1.698 mortes, tendo 35 ocorrido nas últimas 24 horas.

10h43 - As últimas atualizações no futebol, por cá e lá fora:

  • Os presidentes de várias SAD de clubes da I Liga de futebol, que será retomada hoje, apelaram aos adeptos que cumpram todas as regras definidas pelas entidades de saúde;
  • Jogadores do Barcelona rejeitam segundo corte nos ordenados.

10h30 - Atraso na partilha de mapa genético do vírus é "falso", diz China. O governo chinês indicou esta quarta-feira que a notícia que ontem circulou, de que autoridades chinesas atrasaram mais de uma semana a publicação do genoma do novo coronavírus, é "totalmente falso". O porta-voz do ministério chinês dos Negócios Estrangeiros Zhao Lijian foi quem fez estas declarações, quando questionado pelos jornalistas, esta quarta-feira, em conferência de imprensa.

Recorde-se que a notícia se baseia numa investigação da AP, baseada em documentos internos e dezenas de entrevistas, revela que, em janeiro, enquanto a OMS elogiava publicamente a China e a sua "resposta rápida" ao surto do novo coronavírus, os especialistas da agência das Nações Unidas para a saúde queixavam-se em privado da falta de informação partilhada por Pequim.

10h27 - França lançou app oficial para vigiar evolução da doença. StopCovid é a app oficial de ‘contact tracing’ criada para vigiar a evolução da Covid-19

10h14 - Bolsonaro diz lamentar mortos, mas "é o destino de todos". As declarações foram feitas à porta do Palácio da Alvorada, em Brasília, após ter sido pedido ao presidente brasileiro que enviasse uma mensagem de conforto aos familiares das vítimas do novo coronavírus.

10h05 - Vacinação para gripe. DGS recorda que a vacinação contra a gripe é gratuita para pessoas com idade igual ou superior a 65 anos e grupos de risco.

9h43 - Atualização em África. O número de mortos em África devido à Covid-19 subiu hoje para 4.493, mais 149, em mais de 157 mil casos, nos 54 países, segundo os dados mais recentes da pandemia no continente.

9h37Sete atitudes que deve tomar para impedir uma segunda vaga. Atitudes simples que podem ajudar a manter o SARS-CoV-2 minimamente controlado e desse modo prevenir a ocorrência de uma segunda vaga. 

9h35 Lembra-se das regras para a utilização da máscara em segurança? Direção-Geral da Saúde reiterou as indicações para a colocação e remoção deste equipamento de proteção individual.

9h26 - Espanha vota sexta e última prorrogação do estado de emergência. "Passámos os piores meses da história da nossa democracia. Foram três meses que pareceram infinitos. A Espanha foi fortemente golpeada, mas hoje podemos dizer que o pior já passou. Conseguimos superar a pandemia e com o esforço e a disciplina do conjunto dos cidadãos. Os espanhóis mostraram ser uma sociedade responsável", disse Pedro Sánchez, sublinhando ainda que o vírus não pode servir de pretexto para dividir a sociedade.

O chefe do Governo espanhol abriu assim a sessão que irá prolongar por mais duas semanas, de 7 até 20 de junho, o estado de emergência em vigor no país desde 15 de março último, numa altura em que há muitas críticas a essa medida, principalmente dos partidos da oposição de direita, que já anunciaram que iriam votar contra.

9h10 - A China, através da Xinhua News Agency, a agência noticiosa estatal, recorreu às redes sociais para aclarar aquilo que diz serem mentiras fabricadas pelos Estados Unidos. "Os Estados Unidos fabricaram 24 mentiras para colocar a culpa na China e encobrir a sua reposta inadequada ao coronavírus", diz a agência, numa sequência de 24 publicações, onde falam não só sobre a pandemia, como também sobre a origem do vírus, a relação com a OMS e até sobre o médico Li Wenliang, o primeiro a identificar o surto viral e que acabou por morrer.

8h57 - Atualização na Rússia. A Rússia reporta esta quarta-feira mais 8.536 novos casos de Covid-19, elevando o número total para 432.277, o terceiro maior do mundo. O país contabiliza, ainda, 5.215 óbitos associados à doença, depois de registadas mais 178 mortes.

8h52 Ibuprofeno pode aumentar taxa de sobrevivência até 80%. Equipa de cientistas da Universidade King's College, em Londres, no Reino Unido, está a iniciar um ensaio clínico com o objetivo de entender se o ibuprofeno pode afinal acelerar a recuperação de doentes com casos graves de coronavírus e reduzir os efeitos secundários da infeção.

8h40 - O Drive In da Comic Con Portugal abriu a 1 de junho, Dia da Criança, e prossegue até ao próximo dia 7. E o que é este Drive In? Trata-se de sessões de cinema, no Jardim Municipal de Oeiras, a que as pessoas assistem dentro dos seus carros.

8h35 - Morreu mais um médico de Wuhan. Hu Weifeng, de 42 anos de idade, um dos médicos que trabalhava no hospital de Wuhan - e um dos infetados com Covid-19 que ficou com a pele escurecida - terá morrido, de acordo com a imprensa chinesa. Recorde-se que este médico era colega de Li Wenliang, de 34 anos de idade, o primeiro médico a identificar e a denunciar o surto viral, e que também acabou por morrer.

Notícias ao MinutoHu Weifeng© CCTV

"De Li Wenliang a Hu Weifeng, a equipa médica do Hospital Central de Wuhan foi quem mais perdeu durante o surto. Foram mortos pelos líderes do hospital", escreveu um utilizador da rede social Weibo, citado pelo Guardian, referindo-se à falta de proteção que foi dada aos médicos na primeira linha de combate ao surto.

Em abril, a imprensa dava conta da recuperação de Weifeng, ainda que não conseguisse falar.

7h58 - A Itália reabre esta quarta-feira as suas fronteiras internacionais, mas vai mantê-las fechadas aos países que impõem restrições de entrada a cidadãos italianos, devido ao princípio da reciprocidade, numa altura em que a pandemia de Covid-19 parece estar a dar tréguas.

7h57 - Os tribunais retomam hoje a realização de diligências presenciais, mas dirigentes do setor anteveem que o regresso à atividade normal será assimétrico e progressivo, sendo em alguns casos difícil assegurar totalmente as medidas de segurança contra a Covid-19.

7h56 - O regresso do futebol. A I Liga de futebol regressa esta quarta-feira, após quase três meses de paragem, devido à pandemia da Covid-19. O primeiro jogo é do FC Porto, que vai a Famalicão tentar reforçar a liderança, naquela que é a 25.ª jornada. O encontro está agendado para as 21:15.

7h55 - As últimas atualizações de números relativos à pandemia:

7h50 - Iniciamos um novo registo diário. Pode conferir as atualizações de terça-feira à noite aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório