Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2019
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

Matou colega que lhe fazia bullying em encontro de antigos alunos

Ex-militar, de 69 anos, pediu ao colega que lhe pedisse desculpa, mas este recusou-se e foi baleado. Aconteceu na Tailândia.

Matou colega que lhe fazia bullying em encontro de antigos alunos

Um ex-oficial da Marinha tailandesa assassinou a tiro um antigo colega de escola que lhe fazia bullying, durante um encontro de antigos alunos, de acordo com o relatado pela página AsiaOne.

Thanapat Anakesri, de 69 anos de idade, que já foi detido, admitiu às autoridades que a sua intenção era matar o antigo colega de turma.

A vítima mortal foi identificada como Suthat Kosayamat, também com 69 anos de idade, que alegadamente acossava Anakesri quando ambos tinham 16 anos. Kosayamat reunia um grupo de rapazes que faziam bullying com o homicida, como enterrá-lo nos intervalos das aulas, o que fez com que este abandonasse a escola.

Durante o encontro de antigos alunos, Anakesri aproximou-se de Kosayamat e pediu-lhe explicações, desafiando-o a pedir desculpa pelo seu comportamento, 53 anos antes.

Notícias ao MinutoFotografia de Thanapat Anakesri, o homicida© Reprodução

Perante a recusa de Kosayamat, o homicida saiu do local para ir ao seu carro buscar uma arma. As testemunhas dizem que Anakesri disparou sobre a vítima, atingindo-a no estômago, e fugiu.

"Estas coisas aconteceram há muito tempo, nunca imaginei que ele fosse matar o colega assim. Estamos todos perturbados com isto", indicou Tuean Klakang, responsável pela organização da reunião.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório