Meteorologia

  • 25 JUNHO 2019
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 22º

Edição

May apela ao voto, mas conservadores estão em quarto nas sondagens

A primeira-ministra britânica, Theresa May, urgiu hoje os eleitores a votar no partido Conservador nas eleições europeias de quinta-feira, mas uma sondagem indica que o partido no Governo poderá cair para quarto lugar.

May apela ao voto, mas conservadores estão em quarto nas sondagens

Num artigo publicado hoje no jornal Sunday Times, May apela a "todos que querem ver o 'Brexit' consumado de maneira responsável o mais rápido possível", alegando que os outros partidos "não podem consumar o 'Brexit' ou até agora recusaram-se a fazê-lo".

Porém, uma sondagem hoje publicada pelo jornal The Observer sobre as intenções de voto dos eleitores britânicos coloca o partido Conservador em quarto lugar, com apenas 12% das preferências.

Em primeiro lugar está o partido 'Brexit', do eurodeputado eurocético Nigel Farage, com 34% das intenções de voto, seguido pelo partido Trabalhista (20%) e pelo partido Liberal Democrata (15%).

Há quatro anos, em 2014, Farage, então líder do UKIP, também conduziu o partido eurocético a uma vitória das eleições europeias, angariando então 27% dos votos e elegendo 24 eurodeputados, à frente do 'Labour' (20 eurodeputados) e do partido Conservador (19 eurodeputados).

Segundo o Observer, a mesma sondagem hoje publicada indica que o partido Trabalhista, principal partido da oposição, está a perder eleitores para os Liberais Democratas, que se opõem frontalmente ao 'Brexit' e exigem a realização de um novo referendo.

Os votos dos britânicos que preferem ficar na UE estão a ser solicitados igualmente pelos partidos nacionalistas escocês (SNP) e galês (Plaid Cymru), pelos Verdes e pelo Change UK, o que polariza o eleitorado anti-'Brexit'.

Num artigo para o Observer, o 'Mayor' de Londres, Sadiq Khan, que diverge do líder trabalhista, Jeremy Corbyn, e defende um novo referendo, argumenta que votar noutros partidos pró-europeus só vai favorecer o partido 'Brexit'.

"Não podemos permitir que a extrema direita entre sorrateiramente pela porta dos fundos. Temos de parar Farage e tudo o que ele representa. Só o partido Trabalhista é capaz de fazer isso", defende.

O Reino Unido é dos primeiros países a votar para as europeias, juntamente com a Holanda, que realiza eleições para o Parlamento Europeu na quinta-feira.

Os resultados só serão divulgados no domingo, quando fecharem as urnas de voto nos Estados membros da UE que só fazem as eleições europeias no domingo, como Portugal.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório