Para acabar com tabus, chegou a Barbie que amamenta

Betty Strachan é a criadora de Barbies que fogem à concepção habitual que temos destas bonecas. Entre as suas criações há Barbies grávidas, lésbicas, punks, entre outras.

Lifestyle Criação

Chegou a Barbie que amamenta © Instagram/allthelittledolls

Chegou a Barbie que amamenta © Instagram/allthelittledolls

Chegou a Barbie que amamenta © Instagram/allthelittledolls

Chegou a Barbie que amamenta © Instagram/allthelittledolls

1 / 4
Chegou a Barbie que amamenta

Chegou a Barbie que amamenta © Instagram/allthelittledolls

1 / 4
© Instagram/allthelittledolls

A amamentação em público é tema que deu (e dá) ‘pano para mangas’. Mas tal como Betty Strachan há muitos que querem pôr um ponto final no assunto.

PUB

Para isso, fez algo que ainda ninguém tinha pensado e criou uma Barbie que amamenta, conta o The Independent.

A mulher, de 28 anos, começou a criar as suas próprias bonecas depois de ter sido mãe e de perceber o efeito que estas têm na vida das crianças.

“Reparei que a falta de diversidade poderia ser potencialmente perigoso psicologicamente”, refere, lembrando que uma menina morena de olhos escuros pode achar estranho ter uma boneca loira de olhos azuis a quem todos acham bonita.

A boneca por si criada chama-se ‘Mamas Worldwide Barbie’ e a ideia para produzi-la surgiu durante um encontro com um grupo de mães, em que estava a “desenhar a cara de uma boneca e que parecia representar todo aquele grupo”.

Com os seus trabalhos, o seu objetivo é “mudar mentalidades”, diz.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS