Meteorologia

  • 26 NOVEMBRO 2020
Tempo
MIN 8º MÁX 15º

Edição

Covid-19. É confirmado quinto caso de reinfeção no mundo, declara estudo

Trata-se do primeiro caso de reinfeção registado nos Estados Unidos. Especialistas sublinham e alertam que, mesmo quem já tenha estado infetado com o novo coronavírus SARS-CoV-2, deve continuar a adotar medidas de proteção.

Covid-19. É confirmado quinto caso de reinfeção no mundo, declara estudo
Notícias ao Minuto

07:45 - 13/10/20 por Notícias ao Minuto 

Lifestyle Sem imunidade

Uma nova pesquisa, publicada no The Lancet Infectious Diseases, conduzida por cientistas do Laboratório de Saúde Pública do Estado de Nevada e da Universidade de Nevada, nos Estados Unidos, confirmou o primeiro caso de reinfeção por Covid-19 - doença provocada pelo novo coronavírus - naquele país, revela um artigo publicado na revista Galileu. 

Trata-se do quinto caso oficialmente registado em todo o mundo, sugerindo assim que a exposição ao vírus não é sinónimo de imunidade, contrariamente ao que se acreditava. 

O doente terá, segundo o estudo norte-americano, testado positivo para duas infeções distintas do SARS-CoV-2 num período de 48 dias.

Conforme explica a revista Galileu, o homem, de 25 anos, não sofria de outras doenças pré-existentes ou pertencia a um grupo de risco.

Mais ainda, no espaço de tempo entre as ambas as infeções, o indivíduo testou inclusive negativo duas vezes para o novo coronavírus

O estudo aponta ainda que a segunda infeção que afetou o homem foi mais severa do que a primeira. Tendo necessitado de ser submetido a internamento hospitalar e de receber oxigénio artificial, através de um ventilador.

Este cenário 'inesperado' faz com que os investigadores alertem para que os indivíduos que já tenham sofrido de Covid-19 no passado continuem a tomar preocupações, nomeadamente lavar as mãos regularmente, usar máscara e a manter o distanciamento social. 

"Ainda existem muitas incógnitas sobre as infecções pelo Covid-19 e a resposta do sistema imunológico, mas as nossas descobertas indicam que uma infecção anterior pode não necessariamente proteger contra futuras", afirmou num comunicado emitido à imprensa Mark Pandori, líder estudo.

Para o cientista, os dados apurados lançam dúvidas acerca de como alcançar a imunidade contra o SARS-CoV-2.

A Galileu destaca que já foram confirmados quatro outros casos de reinfeção na Bélgica, Holanda, Hong Kong e Equador.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório