Meteorologia

  • 20 NOVEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 11º MÁX 16º

Edição

Atenção empresas, prazo para comunicar faturas tem novo limite

O prazo limite para as empresas comunicarem as faturas à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) vai passar para o dia 12 do mês seguinte ao da emissão e a nova regra abrange as faturas emitidas a partir de janeiro.

Atenção empresas, prazo para comunicar faturas tem novo limite
Notícias ao Minuto

19:58 - 11/10/19 por Lusa

Economia Fisco

A nova data limite para a comunicação das faturas está prevista num diploma publicado em setembro deste ano, que veio proceder a alterações a vários códigos fiscais. A maioria destas alterações entrou em vigor em 1 de outubro, mas algumas, como a relativa à emissão das faturas, começa a ter aplicação prática no próximo ano.

Assim, as faturas emitidas até dia 31 de dezembro de 2019 podem ser comunicadas através do Portal das Finanças até ao dia 15 do mês seguinte, mas todas as que sejam emitidas a partir de 1 de janeiro devem ser comunicadas até ao dia 12 do mês seguinte.

A emissão de faturas passou a ser obrigatória em 2013 tendo, a partir desse ano, passado a ser igualmente obrigatória a sua comunicação à Autoridade Tributária e Aduaneira. Nessa altura o prazo limite foi balizado no dia 25 do mês seguinte ao da emissão.

Este prazo tem vindo a ser reduzido de forma gradual depois dos vários alertas que chegaram ao Governo na sequência da proposta do Orçamento do Estado para 2017 que previa que o prazo baixasse de uma vez para o dia 08. Na ocasião, e antecipando as dificuldades técnicas da operacionalização medida, a data limite foi fixada no dia 20.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório