Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2020
Tempo
13º
MIN 9º MÁX 16º

Edição

Comunidade lusa nos EUA pronta para receber seleção

A comunidade portuguesa em New Jersey prepara-se para receber de braços abertos a seleção lusa de futebol, que escolheu aquele estado dos Estados Unidos para finalizar a preparação para o Mundial2014.

Comunidade lusa nos EUA pronta para receber seleção
Notícias ao Minuto

20:30 - 14/02/14 por Lusa

Desporto New Jersey

"Vamos estar de braços abertos para os receber. Se tiverem vontade de visitar a comunidade e organizar algo, estamos completamente disponíveis", disse à agência Lusa o presidente do Sport Club Português de Newark, Bruno Costa.

Portugal vai estagiar em Princeton, de 02 a 10 de junho.

"O futebol não é a principal, mas é uma das maiores razões que mantém a comunidade ligada ao país. É algo que nos faz ferver o sangue, que reacende a alma lusitana", acrescenta o responsável.

O estágio, que segundo a Federação Portuguesa de Futebol não terá custos para a organização, acontecerá no campus da Universidade de Princeton, numa zona de acessível para as centenas de milhares de portugueses e lusodescendentes que vivem nos estados de Nova Jérsia, Nova Iorque, Filadélfia e Connecticut.

Luís Gonçalves, professor desta instituição, diz que "os alunos estavam muito entusiasmados com a notícia".

"Estavam todos contentes. Alguns são lusodescendentes, mas a maioria são americanos que estão a aprender português. Todos conhecem o Cristiano Ronaldo. Estavam a tentar perceber se o calendário da escola lhes permitia ver os jogadores", disse Gonçalves à agência Lusa.

Gonçalves, que vive no país desde 1997, diz que a equipa nacional é um fator de união dos portugueses no país.

"A nossa comunidade organiza-se em clubes, consoante a região do país de onde vêm. Mas quando a seleção joga, todos se unem. Então, se a seleção ganha, a Ferry Street torna-se numa qualquer rua de Portugal", explica o professor.

Em 2012, quando Portugal se apurou para as meias-finais do Campeonato Europeu de Futebol, a Ferry Street, em Newark, conhecida como Avenida Portugal, ficou cheia com milhares de pessoas que vestiam camisas da seleção e gritavam por Portugal. Muitas dessas pessoas eram já luso-americanos de segunda e terceira geração.

Luis Gonçalves explica que "os grandes craques, como foram o Eusébio e o Figo e agora é o Cristiano Ronaldo, são apelativos para toda a gente, e o fascínio não diminui quando se é português de segunda ou terceira geração".

O Sport Club Português, que monta um ecrã gigante sempre que Portugal participa numa competição internacional, tem duas equipas seniores de futebol e está mesmo a preparar o relançamento dos seus escalões de formação.

"Tivemos de abandonar a formação há uns anos, mas acho que as novas gerações estão a gostar ainda mais de futebol do que as anteriores. Há uma febre muito grande pelo futebol entre crianças e jovens que já nasceram nos Estados Unidos", explica o seu presidente, Bruno Costa.

Portugal defronta o México 06 de junho no Estádio Gillette, em Massachusetts, onde defrontou o Brasil em setembro de 2013.

O último jogo de preparação, com a República da Irlanda, acontece a 10 de junho no Estádio MetLife, que acolheu recentemente a final do Super Bowl (futebol americano).

"Tenho a certeza de que ambos os jogos vão ter muitos milhares de portugueses. As pessoas não se importam de fazer uns quilómetros para apoiar a seleção e acho que vão aparecer em força", acredita Bruno Costa.

Portugal integra o Grupo G do Campeonato do Mundo, em conjunto com a Alemanha, os Estados Unidos e o Gana.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório