Meteorologia

  • 23 JANEIRO 2018
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 12º

Edição

Polémica de 'Star Wars' leva Electronic Arts a remover pagamentos

A editora vai voltar a estudar o sistema de modo a relançá-lo numa data por anunciar.

Polémica de 'Star Wars' leva Electronic Arts a remover pagamentos
Notícias ao Minuto

12:04 - 17/11/17 por Miguel Patinha Dias

Tech Loot box

Depois de muita polémica e críticas dos jogadores, a Electronic Arts decidiu retirar de ‘Star Wars Battlefront II’ a capacidade de comprar cristais com dinheiro real, garantindo que estudará melhor o sistema de microtransações do jogo de modo a lançá-lo numa data posterior (e por anunciar).

“À medida que nos aproximamos do lançamento global, fica claro que muitos de vocês consideram que ainda há desafios no design [do sistema de microtransações]. Ouvimos as preocupações sobre dar aos jogadores potenciais vantagens injustas. E ouvimos que isto deita uma sombra do que seria de outra forma um excelente jogo. Nunca foi a nossa intenção. Podemos desculpa por não termos acertado com isto”, pode ler-se no comunicado publicado pelo responsável do estúdio DICE, Oskar Gabrielson.

A polémica com ‘Star Wars Battlefront II’ começou logo quando a Electronic Arts deu início à fase beta do jogo, tendo sido aqui o primeiro contacto de muitos jogadores com o novo título da série. Nesta altura foram vários os jogadores a apontar que o sistema estava feito para que fosse inevitável utilizar dinheiro real no jogo, uma vez que desbloquear conteúdo organicamente demorava demasiadas horas.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório