Meteorologia

  • 19 JULHO 2018
Tempo
21º
MIN 20º MÁX 21º

Edição

Bloco quer obras em ginásio sem teto numa escola em Bragança

O Bloco de Esquerda considera incompreensível que continue por reparar o teto do ginásio da Escola Miguel Torga, em Bragança, que ruiu há quase um ano e impede a prática da disciplina de Educação Física.

Bloco quer obras em ginásio sem teto numa escola em Bragança
Notícias ao Minuto

15:42 - 06/03/18 por Lusa

Política Luís Monteiro

Numa iniciativa parlamentar divulgada hoje, o deputado bloquista Luís Monteiro, questiona o Ministério da Educação sobre a situação que faz com que, desde maio de 2017, os alunos desta escola, sempre que está mau tempo para o uso de pátios exteriores, sejam obrigados a ter aulas de Educação Física numa cave da escola.

"Queixam-se os alunos e as suas famílias que na referida cave as atividades físicas se resumem a aulas de ténis de mesa, e só para muito poucos, e que esta limitação de espaços põe em causa o cumprimento dos programas desta disciplina", refere o partido, na exposição que acompanha as perguntas dirigidas ao Ministério da Educação.

O Bloco de Esquerda explica que chegou ao conhecimento do Grupo Parlamentar "a situação da ruína e consequente queda do teto do ginásio da Miguel Torga, em maio de 2017, com gravíssimas consequências".

"É sabido que em Bragança as condições climatéricas, em especial no inverno, impedem a utilização frequente dos espaços exteriores para a prática de Educação Física, pelo que a existência de ginásios e pavilhões gimnodesportivos nas escolas é fundamental para garantir a todos e a todas o pleno cumprimento do currículo", defende.

Para o partido, "é incompreensível que passado quase um ano sobre a queda do teto do ginásio, provocado, aparentemente, por infiltrações da chuva, não se tenha ainda procedido à sua reparação e à consequente reativação deste importante espaço escolar".

O Bloco entende que "os direitos dos alunos da Escola Básica e Secundária Miguel Torga, em Bragança, estão a ser claramente desrespeitados" e que "o direito à prática de Educação Física em condições de segurança e conforto não pode ser mais adiado".

Nesse sentido, pergunta ao ministro da Educação se tem conhecimento da situação e "quando vai realizar as obras necessárias para a reposição de condições regulares de utilização do ginásio".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.