Meteorologia

  • 17 DEZEMBRO 2017
Tempo
MIN 5º MÁX 8º

Edição

Maiorias absolutas são "trágicas" e uma "má ideia"

A coordenadora do BE, Catarina Martins, afirmou hoje que "as maiorias absolutas são "trágicas" e "uma má ideia", lembrando o que foram as do PS, e garantiu que foi o seu fim que trouxe estabilidade à vida dos portugueses.

Maiorias absolutas são "trágicas" e uma "má ideia"
Notícias ao Minuto

16:15 - 24/09/17 por Lusa

Política Catarina Martins

Num almoço da campanha autárquica que hoje reuniu mais de 400 pessoas em Lisboa, Catarina Martins disse que "talvez a coisa mais importante que o país descobriu" ao fim de dois anos da atual solução governativa "foi que as maiorias absolutas são uma má ideia", apelidando-as mesmo de "trágicas".

"Hoje António Costa diz aos portugueses que se o PS tivesse maioria absoluta, no fundo, ia dar ao mesmo. Todos nós sabemos que isso não é verdade. Se o PS tivesse tido maioria absoluta teríamos hoje um país diferente", disse, recordando aquilo que era o programa dos socialistas para as legislativas de 2015 em matéria de congelamento de pensões ou de salário mínimo nacional.

Mas se a líder lembrou as propostas eleitorais do PS, fez também questão de reavivar a memória dos portugueses sobre "o que foi o PS com maioria absoluta" nos governos que liderou.

"O que os portugueses sabem hoje é que foi o fim das maiorias absolutas que lhes trouxe estabilidade à sua vida concreta, que trouxe estabilidade ao que verdadeiramente conta", sublinhou.

É não existir maioria absoluta, continuou Catarina Martins, "que dá a quem vive em Portugal mais estabilidade hoje nas condições de vida, mais esperança, mais expectativa criada em dois anos do que todas as décadas de maioria absoluta".

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório