Meteorologia

  • 08 DEZEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 14º

Edição

"Desavenças conjugais" levam homem a incendiar casa arrendada em Loures

Suspeito atirou vela acesa para cima da cama. Chamas deixaram duas casas inabitáveis.

"Desavenças conjugais" levam homem a incendiar casa arrendada em Loures

Um homem de 60 anos foi identificado e detido pela Polícia Judiciária (PJ), através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, por existirem fortes suspeitas da prática de crime de incêndio urbano, ocorrido numa moradia no concelho de Loures, "da qual era arrendatário". A ação terá sido "motivada por desavenças conjugais".

O incêndio "teve início numa cama de um dos quartos da habitação", indica a PJ em comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso, "local para onde o homem terá atirado uma vela acesa"

O fogo que provocou "danos substanciais", tanto na própria residência como em outra casa contígua. Ambas ficaram "inabitáveis".

A rápida intervenção permitiu que o incêndio fosse detetado e combatido atempadamente, impedindo que as chamas se alastrassem ao restante aglomerado habitacional, "constituído por residências contíguas e antigas, numa zona com ruas estreitas, de difícil circulação e acesso a viaturas".

Presente a primeiro interrogatório judicial, foi aplicada ao suspeito a medida de coação de prisão preventiva.

Leia Também: Quatro pessoas feridas por inalação de fumos em incêndio em Almada

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório