Meteorologia

  • 28 OUTUBRO 2020
Tempo
21º
MIN 15º MÁX 21º

Edição

Projeto 'Bairros da Bila' promove a inclusão social em Vila Real

A Câmara de Vila Real vai implementar o projeto 'Bairros da Bila', de inclusão social, através de iniciativas como uma rede de cuidadores de idosos, loja social, clube de xadrez, oficinas de carpintaria e costura.

Projeto 'Bairros da Bila' promove a inclusão social em Vila Real

O 'Bairros da Bila - Intervenção concertada para a inovação e inclusão social' vai ser concretizado em dois anos, dispõe de cerca de 235 mil euros, comparticipados pelo programa operacional Norte 2020, e eleva para os 2,3 milhões de euros o investimento que o município de Vila Real está a aplicar nos bairros de habitação social.

O projeto, que foi apresentado hoje em conferência de imprensa, é dirigido aos cerca de 560 agregados familiares dos bairros e aos "mais vulneráveis", como crianças, idosos e minorias, envolvendo ainda cerca de 10 entidades do território.

O presidente da Câmara de Vila Real, Rui Santos, afirmou que, depois de uma intervenção física nos bairros, o município avança agora para "uma dimensão mais imaterial"

"É uma intervenção concertada para a inovação e inclusão social nalguns bairros de habitação social do concelho", afirmou.

O autarca apontou ainda o aprofundamento do "sentimento de pertença, de orgulho e partilha, de cumplicidade, mas também de responsabilidade na vida comum desses bairros".

O projeto terá como "polo dinamizador" o bairro Francisco Sá Carneiro (Araucária), mas desenvolver-se-á ainda em São Vicente de Paula, Laverqueira, Vila Nova e Parada de Cunhos.

O projeto prevê a concretização de seis atividades, como o 'Espaços Bairros da Bila', que vai adaptar três espaços do bairro da Araucária onde serão trabalhados, segundo Margarida Cascarejo, chefe da divisão de ação social e saúde, o "sentido de identidade e de pertença dos moradores".

Com a ação 'Há estratégia nos Bairros da Bila' pretende-se criar um clube de xadrez e dinamizar relações intergeracionais entre os jovens e os mais velhos.

A iniciativa 'Bairros da Bila Solidários' visa a instalação de uma loja social e a definição de objetivos que atribuirão créditos aos moradores que serão, depois, trocados por artigos naquela loja.

Margarida Cascarejo acrescentou que o 'Bairros da Bila na Rota da Educação' quer "despertar nas crianças o interesse e a curiosidade pelo mundo empresarial", para o que vão ser proporcionados contactos entre os mais novos e as empresas.

No 'Bairro Empreendedor' haverá uma oficina onde serão promovidas formações em áreas já identificadas pelos moradores como carpintaria, costura e estética.

Com esta ação pretende-se estimular também a criação do próprio emprego.

Por fim, 'Bairros da Bila Cuidam' visa a constituição de uma rede de cuidadores de proximidade para intervir junto dos idosos ou outros dependentes. Serão atraídos para esta iniciativa, que quer combater a solidão e a exclusão social, os desempregados.

"É para as pessoas e pelas pessoas que o município de Vila Real se tem empenhado, em especial neste momento que vivemos de pandemia. Esta é mais uma solução muito importante para todos", afirmou a vereadora Eugénia Almeida.

O projeto nasceu do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) e do Plano Integrado para as Comunidades desfavorecidas (PAICD) e surge após intervenções de requalificação do espaço físico e em algumas habitações dos bairros São Vicente de Paula e Laverqueira e de um investimento de 900 mil euros na eficiência energética em Parada de Cunhos.

Rui Santos disse ainda que o município apoia mensalmente cerca de 100 famílias no pagamento de rendas e adiantou que, em breve, será apresentada uma estratégia de habitação para o concelho de Vila Real.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório