Meteorologia

  • 16 DEZEMBRO 2019
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 14º

Edição

GNR salvou vida ao transportar órgão em tempo recorde

Patrulha da GNR destacada para a missão percorreu mais de 270 quilómetros em metade do tempo estimado para uma viagem com estas distâncias.

GNR salvou vida ao transportar órgão em tempo recorde

Os militares da GNR de Castelo Branco efetuaram, na quinta-feira, o transporte urgente de um órgão para ser transplantado em Lisboa.

O órgão saiu do Centro Hospitalar Universitário da Cova da Beira, na Covilhã, pelas 20h20 e uma hora e meia depois já se encontrava no Hospitalar Curry Cabral, em Lisboa.

O trajeto de mais de 270 quilómetros foi percorrido pela patrulha da GNR em apenas metade do tempo necessário.

No entanto, a Guarda garante que esteve "sempre garantida a segurança dos demais utentes da via".

Nesta senda, a GNR lembra que a "qualidade e segurança da transplantação de órgãos depende do tempo necessário para o seu transporte, competindo assim à GNR, e em respeito das condições de segurança, chegar ao destino no menor tempo possível, contribuindo deste modo para o salvamento de mais uma vida".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório