Meteorologia

  • 17 OUTUBRO 2018
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 18º

Edição

Professores ameaçam avançar com nova greve em outubro

O pré-aviso de greve, subscrito por dez organizações sindicais de professores, vai ser entregue na próxima sexta-feira no Ministério da Educação.

Professores ameaçam avançar com nova greve em outubro
Notícias ao Minuto

18:35 - 19/09/18 por Natacha Nunes Costa 

País Educação

Os professores ameaçam avançar com nova paralisação na primeira semana de outubro.

De acordo com um comunicado partilhado do site da Federação Nacional dos Professores (Fenprof), o pré-aviso é subscrito por dez organizações sindicais e vai ser entregue, na próxima sexta-feira, dia 21 de setembro, no Ministério da Educação.

"Os professores (...) exigem que o Governo honre o compromisso que assumiu, cumpra a lei e respeite a Assembleia da República, ou seja, negoceie o prazo e o modo de recuperar todo o tempo de serviço que cumpriram", sustentam os sindicatos, lembrando que "até agora, porém, o Governo, de forma intransigente, tem recusado contabilizar os 9 anos, 4 meses e 2 dias de atividade desenvolvida pelos docentes nos períodos de congelamento das carreiras e ameaça não só apagar mais de 6,5 anos (70%) desse tempo, como adiar para próximas Legislaturas a concretização de qualquer medida que possa tomar, abrindo portas à liquidação da carreira docente".

Além disso, lê-se no comunicado, há outras questões enunciadas pelos docentes, tais como "os horários de trabalho ou a aposentação". E, queixam-se ainda, "o Governo continua sem apresentar qualquer proposta, recusando a negociação; [e] relativamente ao reposicionamento na carreira continua sem se saber quando será concretizado" e no que diz respeito "à redução dos níveis de precariedade que afetam os docentes as medidas que têm sido tomadas pelo Ministério da Educação ficam muito aquém das necessidades das escolas e do direito dos docentes".

Perante estas circunstâncias, e "face à incapacidade do Governo e, em particular, do Ministério da Educação em honrar o compromisso que assumiu", as organizações sindicais de docentes – ASPL, FENPROF, FNE, PRÓ-ORDEM, SEPLEU, SINAPE, SINDEP, SIPE, SIPPEB e SPLIU – "decidiram avançar para a greve na primeira semana de outubro".

O pré-aviso de greve "será entregue, em mão, no Ministério da Educação na próxima sexta-feira, dia 21 de setembro, às 11 horas, último dia da semana de plenários que estão a realizar-se em todo o país, nos quais já participaram milhares de professores e educadores".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório