Meteorologia

  • 22 FEVEREIRO 2024
Tempo
16º
MIN 12º MÁX 18º

"Um adolescente morto é inexplicável, indesculpável", diz Macron

Presidente francês pediu calma, após os confrontos registados em Nanterre e nos subúrbios de Paris.

"Um adolescente morto é inexplicável, indesculpável", diz Macron
Notícias ao Minuto

12:08 - 28/06/23 por Notícias ao Minuto

Mundo Paris

O chefe de Estado de França, Emmanuel Macron, reagiu, esta manhã, à morte de um jovem de 17 anos, abatido por um polícia, em Nanterre, Paris.

"Um adolescente morto é inexplicável, indesculpável", insistiu Macron, a partir de Marselha, onde se encontrava em viagem.

"Espero que a justiça faça o seu trabalho rapidamente", afirmou, apelando à "calma para que a justiça possa ser feita".

O chefe de Estado gaulês admitiu inda não ter entrado em contacto com a família, mas dirigiu-lhe "toda a sua solidariedade e o afeto de toda a nação".

"Precisamos de afeto e de respeito, de calma para que a justiça seja feita, de calma em todo o lado porque não precisamos de um conflito", acrescentou, referindo-se às tensões que surgiram ontem à noite em Nanterre e noutras cidades dos subúrbios de Paris.

Recorde-se que um polícia francês disparou, na terça-feira, sobre um jovem de 17 anos - identificado como Naël - que seguia ao volante de um automóvel, depois de este ter tentado fugir de uma fiscalização de trânsito. O menor não resistiu aos ferimentos e acabou por morrer. 

A morte do jovem condutor às mãos de um polícia trouxe de volta as tensões entre a população e a autoridade em França. A noite foi de confrontos entre a população e as autoridades em Nanterre, na sequência da morte de Naël, sendo que 24 pessoas foram detidas.

Leia Também: "Bala na cabeça". Craques chocados com morte de jovem às mãos da polícia

Recomendados para si

;
Campo obrigatório