Meteorologia

  • 23 FEVEREIRO 2024
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 14º

Polícia mata jovem a tiro em Paris. A noite de confrontos (e as reações)

A noite foi de confrontos entre a população e as autoridades em Nanterre, na sequência da morte de Naël. Famosos franceses já se manifestaram sobre este caso.

Notícias ao Minuto

08:54 - 28/06/23 por Notícias ao Minuto

Mundo França

Um polícia francês disparou, na terça-feira, sobre um jovem de 17 anos - identificado como Naël - que seguia ao volante de um automóvel, depois de este ter tentado fugir de uma fiscalização de trânsito. O menor não resistiu aos ferimentos e acabou por morrer. 

O caso aconteceu em Nanterre, no oeste de Paris. Vídeos divulgados nas redes sociais mostram a situação, na qual dois agentes começam por surgir junto a um Mercedes AMG de cor amarela.

Depois, é possível perceber que um dos polícias, de 38 anos, aponta a arma ao condutor - que seguia sem documentos - e dispara quando este arranca e desrespeita a ordem de paragem das autoridades.

Os serviços de emergência ainda tentaram salvar o jovem, mas este acabou mesmo por perder a vida. Ambos os agentes foram detidos.

Pode ver, em baixo, o vídeo de como tudo aconteceu. Alertamos para a violência das imagens, que pode chocar os leitores. 

À BFMTV, o chefe da polícia de Paris, Laurent Nunez, referiu que a situação lhe "levanta muitas questões", mas que o caso só poderá ser decidido nas instâncias judiciais. 

Já Gérald Darmanin, o ministro francês do Interior, asseverou no Twitter que a Polícia Nacional se encontra a investigar "para trazer à luz as circunstâncias deste drama". A Justiça abriu duas investigações, uma delas por homicídio voluntário. 

Por sua vez, Patrick Jarry, autarca de Nanterre, sublinhou ter ficado "chocado" com as imagens, tendo enviado as suas "sinceras condolências" à família do jovem condutor.  

Famosos franceses (também) já reagiram

Na manhã desta quarta-feira, foi a vez do futebolista Kylian Mbappé reagir ao sucedido, através das redes sociais. "Sinto-me mal pela minha França. Uma situação inaceitável. Todos os meus pensamentos vão para a família e entes queridos de Naël, este anjinho que partiu cedo demais", escreveu no Twitter. 

O ator Omar Sy, conhecido pelo filme 'Amigos Improváveis' e por ser o protagonista da série da Netflix 'Lupin', também deixou uma mensagem: "Os meus pensamentos e orações vão para a família e entes queridos de Naël, que morreu aos 17 anos, morto por um polícia em Nanterre. Que a justiça digna desse nome honre a memória desta criança".

A morte do jovem condutor às mãos de um polícia trouxe de volta as tensões entre a população e a autoridade em França. De recordar que os agentes são, muitas vezes, acusados de uso excessivo da força - até em manifestações.

A noite foi de confrontos entre a população e as autoridades em Nanterre, na sequência da morte de Naël, sendo que 24 pessoas foram detidas - pode ver as imagens na galeria acima. Laurent Núñez explicou ao canal CNews que os manifestantes incendiaram 42 veículos, além de máquinas utilizadas na construção, e insistiu que os 350 policiais destacados durante a noite impediram roubos em lojas e noutros edifícios.

O caso levou ainda a que, nas redes sociais, surgisse o uso da hashtag #lapolicetue [#apolíciamata, em tradução livre]. 

Leia Também: Venda de álcool proibida nos recintos desportivos em Paris2024

Recomendados para si

;
Campo obrigatório