Meteorologia

  • 22 MAIO 2024
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 21º

Díaz Ayuso ativa protocolo anti-Covid nos lares da capital espanhola

A presidente da Comunidade de Madrid ordenou também um reforço ao hospital Enfermera Isabel Zendal, especializado no tratamiento da pandemia.

Díaz Ayuso ativa protocolo anti-Covid nos lares da capital espanhola
Notícias ao Minuto

23:54 - 29/12/22 por José Miguel Pires

Mundo Madrid

Isabel Díaz Ayuso, presidente da Comunidade de Madrid, ativou o protocolo anti-Covid nos lares da terceira idade da capital espanhola, reforçando ao mesmo tempo o hospital Enfermera Isabel Zendal, especializado no tratamento da pandemia e pedindo ao primeiro-ministro, Pedro Sánchez, que "estabeleça controlos aos voos oriundos da China".

Precisamente, a presidente da capital espanhola avançou com estas medidas devido às "alarmantes notícias" que chegam desse país asiático, conforme a mesma revela num tweet.

O governo regional vai explicar, na sexta-feira, através do conselheiro de Saúde do mesmo, Enrique Ruiz Escudero, que efeitos terá o regresso do protocolo Covid aos lares de idosos, em poucos dias, numa altura em que os mesmos são altamente visitados pelas famílias que buscam os seus pais ou avós para passar juntos as épocas festivas, que em Espanha se estendem até 6 de janeiro, dia de Reis.

Esta manhã, Escudero solicitou por carta à ministra da Saúde, Carolina Darias, que o Governo estabeleça uma fiscalização mais rígida no aeroporto de Madrid, uma vez que tem sido a “porta de entrada” do vírus em Espanha em “todas as ondas anteriores” do coronavírus. Escudero pediu ainda a Darias “a convocação urgente e extraordinária do Plenário do Conselho Interterritorial do Sistema Nacional de Saúde (SNS) nas próximas horas para abordar a situação atual e as possíveis medidas a adotar”.

As autoridades de Pequim abriram recentemente as fronteiras aos seus nacionais para que estes se possam deslocar ao estrangeiro, a que se acrescenta "a grande mobilidade prevista no quadro do Ano Novo Chinês", conforme avisa o responsável do governo da capital espanhola pela tutela da Saúde.

O mundo encontra-se a analisar eventuais medidas de aperto de fiscalização aos voos oriundos na China, tendo já países como a Índia, Taiwan, Itália e Estados Unidos avançados com o requerimento de um teste negativo à Covid-19 para entrar nos respetivos países.

Leia Também: Covid-19. Índia exige teste a viajantes da China e outros países da Ásia

Recomendados para si

;
Campo obrigatório