Meteorologia

  • 04 DEZEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

AO MINUTO: "Ferida já não está aberta"; Brasil com mais de 15 mil casos

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

AO MINUTO: "Ferida já não está aberta"; Brasil com mais de 15 mil casos

Portugal está na 'zona amarela' da matriz de risco, com a incidência da Covid-19 e o Rt a subirem. Esta quinta-feira, o país registou mais cinco mortes e 888 novos casos, estando o número de internados a aumentar.

Numa altura em que prossegue a vacinação contra a gripe e o reforço de uma terceira dose para a população mais vulnerável, o cofundador e presidente da Moderna, Noubar Afeyan, considerou, que pode vir a ser necessário um reforço anual da vacinação contra a Covid-19 para aumentar a quantidade de anticorpos. 

Lá fora, são vários os países onde a incidência de casos está a aumentar, gerando preocupação. Espanha e Alemanha são apenas dois exemplos, sem esquecer a China que tem registado novos casos todos os dias, tendo já colocado uma cidade em confinamento para evitar a propagação do vírus.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no Mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

00h05 - Boa noite. Suspendemos aqui o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de sexta-feira.

23h45 - Pneumologista defende reforço do uso de máscara e aceleração da vacinação. À Antena 1, esta quarta-feira, Filipe Froes defendeu “vivamente”, a aceleração do processo de vacinação, quer contra a Covid-19, quer contra a gripe, “idealmente, em simultâneo”. Se assim não for possível, que as doses sejam dadas em separado.

23h12 - O governo da Guiné-Bissau decretou hoje o estado de alerta na saúde pública e a obrigatoriedade de vacinação para professores, funcionários e estudantes do ensino superior e circulação nos transportes públicos rodoviários e fluviais.

22h40 - O Brasil registou, nas últimas 24 horas, 15.268 novos casos de Covid-19 e 389 óbitos associados ao vírus, de acordo com os dados divulgados esta quinta-feira pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde.

21h30 - Fiocruz e AstraZeneca acordam produção de 60 milhões vacinas em 2022. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), vinculada ao governo brasileiro, e a farmacêutica AstraZeneca assinaram hoje, no Reino Unido, um compromisso para a produção de 60 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 em 2022.

20h42 - Angola registou 100 novos casos de Covid-19, dois óbitos e 64 recuperações da doença, nas últimas 24 horas, informaram hoje as autoridades sanitárias.

20h40 - Espanha já administrou 844.649 terceiras doses da vacina contra a Covid-19, anunciou hoje o ministério da Saúde, que reporta também 2.212 novos casos de infeção e 33 mortes no país.

20h33 - "Não tenho nada a ver com campanhas pré-eleitorais", diz Gouveia e Melo. O vice-almirante, que coordenou o processo de vacinação em Portugal, garantiu hoje, num evento em Lisboa, que não tem "nada a ver com pré-campanhas eleitorais".

Sobre a situação pandémica, o vice-almirante considerou que "a ferida já não está aberta", o que não impede que todos tenhamos de continuar a ter "cuidado".

20h25 - DGS reforça apelo à vacinação contra a gripe e a Covid-19. A Direção-Geral da Saúde (DGS) apelou, esta quinta-feira, à vacinação contra a gripe e a Covid-19 considerando que esta é decisiva para minimizar o risco de propagação de vírus como o SARS-CoV-2 ou o da gripe e, desta forma, diminuir a ocorrência de doença grave.

20h10 - Cabo Verde registou mais 12 casos positivos de infeção pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas e 55 pessoas foram dadas como recuperadas da doença, informou hoje o Ministério da Saúde.

20h02 - A Madeira sinalizou hoje 22 novos casos de Covid-19 e dez recuperações, indicou a Direção Regional da Saúde, referindo que o total de infeções ativas no arquipélago é agora de 132, com dois doentes hospitalizados.

19h56 - França já vacinou quase 50 milhões. As autoridades de saúde francesas revelaram, esta quinta-feira, que foram contabilizados 6.461 novos casos de Covid-19 e 33 óbitos associados à doença nas últimas 24 horas, numa altura em que o país se aproxima dos 50 milhões de pessoas vacinadas.

19h32 - Itália registou, no último dia, 4.866 novos casos de Covid-19 e 50 mortes associadas à doença, de acordo com os dados divulgados esta quinta-feira pelo Ministério da Saúde italiano.

19h10 - Manifestação contra medidas de combate à Covid bloqueia centro de Sófia. Centenas de pessoas, na maioria proprietários ou trabalhadores do setor da hotelaria, bloquearam hoje o trânsito no centro da capital da Bulgária, Sófia, em protesto contra as medidas governamentais de combate à pandemia de Covid-19.

19h05 - O Reino Unido diagnosticou, nas últimas 24 horas, 39.842 novos casos de Covid-19 e registou mais 165 mortes associadas à doença, segundo os dados divulgados esta quinta-feira pelo Departamento de Saúde e de Assistência Social britânico. Em termos globais, o Reino Unido contabiliza 8.936.155 casos confirmados e 140.206 óbitos. 

18h50 - Moscovo iniciou esta quinta-feira um novo confinamento, num dia em que a Rússia voltou a bater novo recorde no número de infeções e de mortes por Covid-19. A partir de hoje e até ao próximo dia 7 de novembro, apenas lojas essenciais, como farmácias e supermercados, podem manter-se de portas abertas.

Escolas e jardins de infância estão encerrados. Cafés e restaurantes continuam a funcionar, mas apenas em serviço de take-away.

Notícias ao Minuto Moscovo volta a confinar© Getty Images  

18h30 - Estudo aponta pico de carga viral similar entre vacinados e não vacinados. Pessoas infetadas com a variante Delta do vírus SARS-CoV-2 registaram um pico de carga viral semelhante independentemente do estado de vacinação contra a Covid-19, revelou hoje um estudo publicado pela revista científica The Lancet.

17h41 - Um motorista da Bolt, em Londres, Reino Unido, foi verbalmente atacado por uma cliente que ficou furiosa quando o homem se recusou a dar-lhe boleia porque esta não usava máscara de proteção.

17h30 - OMS diz que situação da pandemia em Portugal prova a eficácia das vacinas. A Organização Mundial da Saúde considerou hoje que o número de casos e mortes em Portugal demonstra a eficácia das vacinas contra a Covid-19, mas alertou que apenas a imunização "não é suficiente para acabar com a pandemia".

17h11 - Mais de dez trabalhadores continuam na Pousada de Almograve, em Odemira, único equipamento ainda ativo, seis meses depois da cerca sanitária decretada naquele território devido à Covid-19.

16h50 - Moçambique registou hoje sete novos casos de infeção pelo novo coronavírus, sem registo de óbitos pelo segundo dia consecutivo, anunciou o Ministério da Saúde no boletim diário sobre a pandemia.

16h42 - Brasil aumentou em 9,5% emissões de gases com efeito estufa na pandemia. A emissão de gases com efeito estufa em 2020 no Brasil cresceu 9,5%, enquanto no mundo caiu quase 7% devido à pandemia de Covid-19, refere um relatório divulgado hoje pelo Observatório do Clima.

16h30 - OMS pede 20 mil milhões para plano que quer evitar 5 milhões de mortes. A Organização Mundial da Saúde solicitou hoje um financiamento global de cerca de 20 mil milhões de euros para apoiar os países menos desenvolvidos a combater a pandemia, permitindo evitar cinco milhões de mortes.

16h11 - Terceira dose praticamente concluída nos lares de idosos. A ministra da Saúde disse hoje que a vacinação contra a gripe e a terceira dose contra a Covid-19 está praticamente concluída nos lares de idosos, avançado que o processo nesta faixa da população deverá estar finalizado até dezembro.

16h00 - Comunicação "pragmática" foi fundamental para sucesso da vacinação. Uma comunicação "pragmática e pensada", que transmitiu urgência e "espírito de combate" ao momento pandémico, foi o elemento principal do sucesso da vacinação em Portugal, constatou hoje, em Lisboa, o vice-almirante Henrique Gouveia e Melo.

15h30 - Portugal contabiliza mais cinco mortes e 888 novos casos. Os dados constam do mais recente boletim epidemiológico, revelado esta quinta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). 

Quanto a internamentos, há mais duas pessoas em unidades hospitalares devido à Covid-19 (mais duas), sendo que, destas, 60 estão internadas em Unidades de Cuidados Intensivos (menos uma). 

14h58 - AHRESP pede mais apoios ao turismo e restauração porque maioria acabou. A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) pediu hoje ao Governo mais apoios ao setor do turismo, restauração e similares, para fazer face à crise pandémica, uma vez que a "esmagadora maioria" das medidas já terminou.

14h30 - África com falta de seringas. África enfrenta uma "ameaça" emergente de uma "crise" devido a uma escassez global de seringas descartáveis, incluindo as utilizadas na vacina contra a covid-19, advertiu hoje a diretora regional da Organização Mundial de Saúde (OMS) para o continente africano.

13h38 - Os Açores registam hoje 16 novos casos positivos, dos quais 11 na ilha de São Miguel, quatro na Terceira e um no Faial, revela o boletim diário da Autoridade Regional de Saúde

13h13 - Cabo Verde passa a situação de alerta e deixa de exigir máscara na rua. O anúncio foi feito hoje pelo primeiro-ministro do país, confirmando-se assim o relaxamento de várias medidas, como reabertura de discotecas por exemplo

"Com base na evolução positiva do quadro epidemiológico e da vacinação, o Governo declara a saída da situação de contingência para a situação de alerta em todo o território nacional. Há uma tendência de estabilização da pandemia de covid-19 em Cabo Verde, mas temos de estar conscientes de que o coronavírus ainda não desapareceu", disse o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, numa declaração ao país esta manhã, a partir da Praia.

13h00 - Terminada a reunião do Conselho de Ministros, a ministra da Saúde admitiu que o país atravessa "uma agravamento" da situação epidemiológica que acompanha "a situação europeia", tendo o Governo decidido prolongar a atual Situação de Alerta até ao final do mês de novembro.

12h26 - Pandemia já matou pelo menos 4.969.926 pessoas no mundo. A pandemia de covid-19 matou, até hoje, pelo menos 4.969.926 pessoas em todo o mundo desde o final de dezembro de 2019, segundo um balanço realizado pela agência de notícias francesa AFP com base em fontes oficiais.

11h55 - Número de mortes em África desceu 15% na última semana. O diretor do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC) disse hoje que o número de mortes no continente por covid-19 desceu 15% na última semana e 16% nas últimas quatro semanas.

10h43  - Madeira tem 98% da população com mais de 50 anos vacinada. A Madeira tem uma taxa de 98% de cobertura da população residente com mais de 50 anos com a vacinação completa contra a covid-19, informou o Governo Regional. "Ataxa de cobertura da população residente com mais de 50 anos é superior, na ordem dos 98%, e entre os residentes com idade entre 12 e 24 anos a taxa de cobertura é superior a 77%", lê-se no boletim regional da vacinação divulgado pelo gabinete do secretário da Saúde da Madeira.

10h20 - A pandemia covid-19 levou a uma queda acentuada nos pedidos de asilo em todos os países da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Económico (OCDE), incluindo em Portugal onde o número de novos requerimentos diminuiu 48,1% em 2020.

10h15 - As mulheres portuguesas, sobretudo as mais idosas, têm pior saúde do que os homens, têm mais dificuldades em pagar despesas dentárias e espera-se que vivam menos anos com qualidade após os 65 anos, revela um relatório europeu.

Dentro das desigualdades de género no acesso à saúde, o Índice analisa cinco itens, entre "nível da saúde e saúde mental", "comportamentos saudáveis", "acesso a serviços de saúde", "saúde sexual e reprodutiva" e "a pandemia covid-19". Sobre a pandemia de covid-19, o instituto europeu calcula que tenham morrido 16% de mulheres e 15% de homens a mais em 2020/2021 em comparação com 2016/2019.

10h00 - África registou 1.320 mortes associadas à covid-19 nas últimas 24 horas, elevando para 218.803 o total de óbitos desde o início da pandemia, e 7.243 novos contágios, de acordo com os dados oficiais mais recentes.

09h55 - Novo recorde na Rússia. A Rússia registou um novo recorde de casos e mortes por Covid-19 com 1.159 vítimas mortais e  40.096 novos infetados em apenas 24 horas. Moscovo e  outras cinco regiões estão em teletrabalho obrigatório para tentar ajudar na propagação do novo coronavírus.

09h20 - Recuperação pós-pandemia tem de assegurar integração social e laboral. Os planos de recuperação pós-pandemia, que começam a ser anunciados e aplicados à escala global, têm de assegurar a integração social e laboral dos imigrantes e evitar o agravamento das "muitas desvantagens" atualmente observadas, defendeu hoje a OCDE.

08h40 - A Airbus registou um lucro de 2.635 milhões de euros nos primeiros nove meses do ano, contrariando as perdas de 2020 e superando os 2.186 milhões contabilizados no mesmo período de 2019. Os resultados refletem o forte aumento das entregas de aviões e helicópteros, após a crise causada pela pandemia de covid-19, com a empresa agora a rever em alta as expetativas financeiras para 2021.

08h10 - Pais já podem entrar nas creches para ir pôr ou buscar os filhos. Com o desconfinamento em marcha, a Direção-Geral da Saúde (DGS) atualizou, esta quarta-feira, uma norma sobre medidas gerais para creches e amas. Uma das grandes novidades é o facto de pais e encarregados de educação poderem (voltar a) entrar nos estabelecimentos para irem pôr ou buscar os meninos. Antes, recorde-se, estes tinham de ser entregues à porta. 

07h43 - Investigadores da Universidade de Toronto, no Canadá, desenvolveram réplicas de peptídeos, denominadas peptidomiméticos, que neutralizaram o coronavírus e detetaram a presença da infeção em culturas de células humanas, reporta um artigo publicado pela revista Galileu. 

No decorrer do estudo, as moléculas desenvolvidas pelos cientistas conseguiram ligar-se a esse recetor antes mesmo do próprio coronavírus, impedindo, assim, a instalação da infeção.

07h40 - O reforço da vacina será anual? O cofundador e presidente da Moderna, Noubar Afeyan, considerou, em entrevista ao canal Fox Business Network, que pode vir a ser necessário um reforço anual da vacinação contra a Covid-19 para aumentar a quantidade de anticorpos e a proteção contra o SARS-CoV-2. 

07h36 - O Banco Central Europeu (BCE) deve manter a sua política monetária expansionista na reunião de hoje, optando pela prudência e seguindo de perto a subida da inflação. Recorde-se que, até agora, a presidente do BCE, Christine Lagarde, tem afirmado que é preciso evitar "reações exageradas" à subida dos preços na zona euro, num momento em que a recuperação da crise pandémica continua frágil e condicionada pela crise mundial nas cadeias logísticas.

07h35 - Incidência volta a subir na Alemanha. A Alemanha contabilizou, nas últimas 24 horas, mais 28.037 casos de Covid-19 e 126 mortos. Em termos acumulados, o país soma agora 4.534.452 infetados e 95.485 vítimas mortais desde o início da pandemia.

07h25 - Especialistas defendem vacinação de idosos contra várias doenças. A Sociedade Portuguesa de Geriatria e Gerontologia defendeu hoje a vacinação dos idosos contra a covid-19, gripe, pneumonia, tosse convulsa e herpes-Zoster, para reforçar o sistema imunitário no combate a estas doenças que podem ser fatais em idades avançadas.

07h20 - Pandemia alterou padrões de consumo de álcool. O confinamento imposto pela pandemia mudou os padrões de consumo de álcool em três em cada quatro doentes analisados num estudo desenvolvido com utentes seguidos no Hospital de Santa Maria. Segundo o estudo, dos doentes que mudaram (73,3%) o padrão de consumo de álcool, 40,2% reduziram e 33,1% aumentaram o consumo.

07h18 - China deteta 23 casos locais e 16 importados nas últimas 24 horas.  China detetou 39 casos de covid-19, nas últimas 24 horas, 23 por contágio local e os restantes oriundos do estrangeiro, anunciaram hoje as autoridades de saúde do país.

07h15 - Bom dia, iniciamos um novo registo de acompanhamento da pandemia. Pode recordar o anterior aqui.

Leia Também: AO MINUTO: PGR recebe acusações contra Bolsonaro; Casos descem nos EUA

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório