Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2021
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 15º

Edição

Alemanha regista mais 28.037 casos de Covid-19 e 126 mortos

Taxa de incidência sobe consideravelmente pelo 14.º dia consecutivo.

Alemanha regista mais 28.037 casos de Covid-19 e 126 mortos

A Alemanha contabilizou, nas últimas 24 horas, mais 28.037 casos de Covid-19 e 126 mortos.

Em termos acumulados, o país soma agora 4.534.452 infetados e 95.485 vítimas mortais desde o início da pandemia.

Segundo os dados reportados pelo Instituto Robert Koch, a taxa de incidência semanal na Alemanha situa-se nos 130,2 casos por 100 mil habitantes. É o 14.º dia em que este valor sofre um aumento, tendo ontem sido de 118 e, na semana passada, estava nos 85,6. Cresce, assim, o receio de lotação hospitalar com pacientes vacinados. 

De acordo com o Instituto Robert Koch (RKI), na terça-feira, registaram-se 914 hospitalizações por covid-19 e uma taxa acumulada de internamentos em sete dias de 3,07 por cada 100 mil habitantes.

O número de pacientes com covid-19 nas unidades de cuidados intensivos é de 1.707, mais 21 doentes em 24 horas, o que corresponde a uma ocupação de 7,7% das camas disponíveis nas unidades para doentes mais críticos.

Em declarações à rede de comunicação social Redaktionsnetzwerk Deutschland (RND), o presidente da Sociedade Alemã de Hospitais (DKG), Gerald Gass, alertou que, se nas próximas duas semanas a situação se mantiver, o número de pacientes hospitalizados pode chegar outra vez aos três mil doentes nas unidades de cuidados intensivos.

O mesmo responsável disse que - numa semana - as hospitalizações aumentaram 40% e o número dos internados nas unidades de cuidados intensivos aumentou 15%.

"Apesar de os hospitais serem capazes de gerir a situação, não vai ser possível sem limitar o funcionamento normal", sendo que os médicos vão ter de voltar a adiar as operações cirúrgicas menos urgentes, avisou.

Nos momentos mais graves da pandemia, os hospitais alemães tiveram de prestar assistência a mais de 5.700 doentes com covid-19 nas unidades de cuidados intensivos.

"Encontramo-nos numa situação crítica em relação à pandemia", acrescentou.

[Notícia atualizada às 14h15]

Leia Também: Parceiros na futura coligação projetam gestão da pandemia na Alemanha

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório