Meteorologia

  • 23 OUTUBRO 2021
Tempo
19º
MIN 13º MÁX 25º

Edição

AO MINUTO: Mais de mil casos (só) em Lisboa; Governo puxa travão

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no mundo.

AO MINUTO: Mais de mil casos (só) em Lisboa; Governo puxa travão

O Governo reúne-se hoje em Conselho de Ministros para avaliar a situação epidemiológica do país, sendo provável que Portugal não avance para a nova fase de desconfinamento, prevista inicialmente para segunda-feira, dia 28 de junho. Além disso, "o cenário mais provável" é que Lisboa recue nas medidas de desconfinamento, como referiu ontem o presidente da Câmara, Fernando Medina. 

Lisboa é um dos concelhos com mais casos de Covid-19 e que, no âmbito da última reunião do Conselho de Ministros, a 17 de junho, ficou sujeito a medidas mais restritivas, inclusive a proibição de circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa (AML) durante o passado fim de semana, uma medida que poderá também ser hoje renovada.

Há outros 20 concelhos que estavam, na semana passada, em situação de alerta, e que estão por isso em risco de recuar no desconfinamento na próxima segunda-feira.

O último boletim da Direção-Geral da Saúde deu conta de mais 1.556 casos e duas mortes relacionadas com a Covid-19 em Portugal, que se encontra agora na 'zona vermelha' da matriz de risco.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no mundo:

15h42 - Encerramos aqui este registo. Continue a acompanhar todas atualizações sobre a pandemia de Covid-19 aqui.

15h34 - Governo está a estudar uma forma de comparticipar os custos dos testes à Covid-19. Mariana Vieira da Silva ressalva que há concelhos em que os testes já estão a ser oferecidos pelas autarquias mas, com o uso do certificado digital para cada vez mais fins (viagens, espetáculos, etc.), o Governo está a estudar uma forma de os comparticipar a nível nacional.

15h28 - A ministra Vieira da Silva recusou comentar o apelo de Ferro Rodrigues para que os portugueses se desloquem "de forma massiva" a Sevilha, onde Portugal vai jogar para o Euro2020. Ainda assim, recordou que as viagens não estão proibidas, mas que há "regras que devem ser cumpridas".

15h22 - Os apoios aos setores mais afetados vão ser prolongados, tendo em conta que o país não avança no desconfinamento. Os moldes em que esses apoios se estendem serão posteriormente anunciados pelo governo.

15h20 - Espanha aprova regresso de público nas ligas de futebol e basquetebol. O regresso do público aos recintos desportivos deverá obedecer a regras e será regulado pelas comunidades autónomas, a quem compete determinar o número de espetadores por evento.

15h19 - BE vai apresentar propostas para estatuto e plano de recuperação do SNS. A coordenadora do BE assumiu hoje o compromisso de o partido avançar no parlamento com duas propostas sobre o Serviço Nacional de Saúde, uma para a criação do estatuto e outra para um programa de recuperação devido à pandemia.

15h17 - O Presidente da República apontou hoje como principal "desafio" para Portugal "começar a vitória definitiva" sobre a pandemia, salientando que este é um desígnio que "pode ser vivido de modo diferente" pelas várias partes do país.

15h10 - Cerco à Área Metropolitana de Lisboa mantém-se este fim de semana, mas pode-se circular com teste negativo.

15h06 - Travão no desconfinamento. A Ministra da Presidência confirma que o país não irá avançar para a próxima fase do plano, inicialmente prevista para 28 de junho. "Não existem condições para prosseguir o plano de desconfinamento", declarou Mariana Vieira da Silva, no final do Conselho de Ministros.

Há 19 concelhos em situação de alerta (maioritariamente em Lisboa e Vale do Tejo, zona Centro e Algarve) e 25 concelhos que recuam no desconfinamento.

14h43 - Variante Delta impulsiona terceira vaga mais rápida e forte em África. A variante Delta, predominante na segunda vaga de infeções pelo novo coronavírus na Índia, foi detetada em 14 países africanos e está a impulsionar uma terceira vaga de infeções por covid-19 no continente, alertou hoje a OMS.

14h40 - Mais de 3,89 milhões de mortos no mundo desde início da pandemia. A pandemia da doença Covid-19 já causou pelo menos 3.893.974 mortos no mundo desde que o novo coronavírus foi detetado em dezembro de 2019 na China, segundo o balanço realizado hoje pela agência France-Presse (AFP).

14h35 - Portugal já administrou mais de sete milhões e meio de doses da vacina contra a Covid-19. De acordo com as autoridades de saúde, mais de 4,5 milhões correspondem a primeiras doses e 2,7 milhões de cidadãos já têm o esquema vacinal completo.

14h30 - Os Açores diagnosticaram, nas últimas 24 horas, 15 novos casos de Covid-19, todos em São Miguel, havendo ainda 28 recuperações no arquipélago, informa hoje a Autoridade de Saúde Regional.

14h07 - Portugal regista 1.556 infetados e duas mortes nas últimas horas. Acaba de ser divulgado o boletim epidemiológico da DGS relativo à evolução da pandemia nas últimas horas e que reporta mais 1.556 novos casos (mais de mil só em Lisboa) e duas mortes.

Apesar de o número de doentes hospitalizados ter descido para 427 (menos dez em relação à véspera) nas últimas horas, o número de internamentos em unidades de Cuidados Intensivos subiu para 106 (mais seis).

Contas feitas, Portugal totaliza 869.879 casos, 17.079 óbitos, e 823 103 recuperados (mais 869 em relação à véspera) desde o início da pandemia no país.

14h02 - Nova vaga de casos na Europa terá "impacto severo" nas vacinas em África. Uma quarta vaga de Covid-19 na Europa e noutras regiões terá "um impacto severo" na distribuição de vacinas para África, afirmou hoje o diretor do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC).

13h47 - Ferro apela a que portugueses "se desloquem de forma massiva" a Sevilha. Após o jogo de ontem que confirmou a passagem da Seleção aos oitavos de final, Ferro Rodrigues afirmou na antena da RTP que esperava "que os portugueses se desloquem de forma massiva para o sul de Espanha e que possam apoiar uma grande vitória de Portugal nos oitavos de final deste Campeonato da Europa". As declarações estão a gerar críticas nas redes sociais, tendo em conta a situação pandémica que se vive no momento, com preocupações acrescidas relativamente às novas variantes do vírus. 

13h20 - Governo espanhol aprova fim das máscaras no exterior com condições. O governo espanhol decidiu hoje que as máscaras deixam de ser de utilização obrigatória no exterior a partir deste sábado, 26 de junho, desde que a distância de segurança de um metro e meio seja respeitada.

13h11 - A Madeira pode voltar a entrar na lista verde do Reino Unido, que vai ser revista hoje. A informação é apontada por alguns meios de comunicação britânicos e foi confirmada pelo vice-presidente do Governo regional, Pedro Calado, que diz estar à espera de confirmação oficial.

13h08 - Costa "responde" a Merkel. O primeiro-ministro, António Costa, disse ainda que Portugal tem aplicado aos viajantes de países terceiros as regras acordadas ao nível europeu para conter a pandemia da Covid-19, considerando um "equívoco" a ideia de que foi permissivo com turistas britânicos.

13h00 - O primeiro ministro diz que é "inútil" alterar a matriz de risco. António Costa sublinhou que a matriz de risco de Portugal segue os critérios do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças. "Muita gente em Portugal tem discutido matriz. Tenho insistido em explicar que a matriz é a que adota o Centro Europeu de Controlo das Doenças, é inútil alterarmos a nossa matriz", defende.

Notícias ao Minuto Matriz de risco a 23/06/2021© DGS  

12h50 - Sobre a antecipação da toma da segunda dose da AstraZeneca, o responsável pela task force apelou a quem ainda não foi contactado que aguarde esse contacto, em vez de se dirigir a um centro de vacinação. Até ao final da semana, todas as pessoas em causa deverão ser chamadas.

"Estamos a organizar o processo. E essa organização não é imediata", justificou o vice-almirante. "Em princípio até ao fim desta semana temos o processo a correr sobre carris. Só que demoramos dois ou três dias."

12h40 - Task force recusa acelerar vacinação nos concelhos mais preocupantes. O vice-almirante Gouveia e Melo considera que essa não é uma boa estratégia: "Se nós vacinarmos mais uma área que outra, o vírus vai procurar a área menos vacinada. Por isso não é uma boa estratégia deixar bolsas por vacinar".

O vice-almirante garantiu ainda que a capacidade de vacinação está a ser utilizada ao máximo, referindo que têm sido vacinadas mais de 100 mil pessoas por dia só no continente. Ainda assim, lembrou que essa capacidade está dependente da disponibilidade de vacinas.

"Não fazemos milagres. O milagre que pudemos fazer e que estava dependente de nós era ter a capacidade de administrar a vacina. Esse já temos", garantiu.

12h04 - Surto com 19 infetados no Estabelecimento Prisional de Sintra. A Direção Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP) informou, esta quinta-feira, que há um surto de Covid-19 ativo no Estabelecimento Prisional de Sintra, com 19 reclusos infetados. Depois de terem sido detetados três contágios na ala B do estabelecimento prisional, foram testados 280 reclusos. 

12h00 - Um total de 245 estudantes de Madrid estão infetados com Covid-19 e 452 contactos estão sob vigilância depois de uma viagem de finalistas a Palma de Maiorca. O surto afeta seis comunidades autónomas espanholas, adiantam as autoridades de saúde à agência Efe. Além de Madrid, as comunidades envolvidas são Cantábria, País Basco, Múrcia, Valência e as ilhas Baleares.

11h48 - Finlândia deteta 80 casos de Covid-19 em adeptos vindos da Rússia. Os adeptos foram testados no regresso de São Petersburgo, onde a seleção finlandesa se despediu do Euro2020 de futebol, na segunda-feira.

11h30 - SNS deve intensificar rastreios à Covid-19 a utentes, acompanhantes e visitas, determina um despacho hoje publicado em Diário da República. O despacho define que estes rastreios "são realizados, preferencialmente, com recurso a testes rápidos de antigénio (TRAg), sem prejuízo da possibilidade de realização de testes de amplificação de ácidos nucleicos (TAAN)"

11h20 - UEFA separa final da Champions da evolução epidémica em Portugal. A UEFA considerou hoje ser impossível detetar se a evolução epidémica em Portugal se deveu à final da Liga dos Campeões de futebol, no Porto, pois decorreu na mesma altura da permissão de entrada a turistas britânicos.

Os responsáveis médicos da UEFA consideram ainda que dispersar o Euro2020 de futebol pelo território europeu foi "a melhor solução", de modo a facilitar mudanças caso algum problema sanitário ocorra numa das cidades-sede da prova.

11h12 - "A pandemia expôs as nossas fragilidades e necessidade de ação coletiva", afirmou António Guterres esta quinta-feira na sessão plenária do Parlamento Europeu. "Caros membros do Parlamento, estamos numa encruzilhada e a situação pode ir numa direção ou na outra: uma crise perpétua ou conseguirmos uma nova via para um futuro mais limpo e seguro para todos. Vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance para num sentido positivo", garantiu.

11h00 - Timor-Leste registou hoje a 20.ª morte de uma pessoa infetada com SARS-CoV-2, e a terceira no município de Maliana, um homem de 57 anos, com comorbidade e que faleceu no hospital daquela cidade.

10h55 - Autoridades dinamarquesas apelam à testagem de adeptos à Covid-19. As autoridades sanitárias da Dinamarca apelaram hoje à testagem à Covid-19 aos espetadores do jogo entre a seleção escandinava e a Bélgica, a 17 de junho, para o Euro2020 de futebol, após três casos de infeção.

10h30 - Cathay Pacific ameaça despedir quem não esteja vacinado até 31 de agosto. A companhia aérea com sede em Hong Kong justifica que as medidas de quarentena impostas naquela região obrigam a que apenas os funcionários totalmente vacinados possam operar para determinados destinos.

10h15 - Merkel critica países que não restringem entrada a países de risco. A chanceler alemã demonstrou "cauteloso otimismo" perante a evolução da pandemia na União Europeia e adiantou que vai criticar hoje em Bruxelas os países que não restringem a chegada de passageiros de zonas de risco.

10h05 - Cabo Verde aplicou mais de 35% das verbas para resposta à pandemia. Até abril, o país aplicou mais de 35% dos 14,3 milhões de euros que prevê gastar em 2021 nos vários projetos de resposta à pandemia de Covid-19, segundo dados do Governo.

9h50 - Cabo Verde quer vacinar mil pessoas por dia no Sal e Boa Vista para permitir a retoma turística, reforçando o processo com 30 profissionais de saúde, conforme resolução governamental que entrou hoje em vigor.

9h25 - A Rússia registou 20.182 novos casos de Covid-19, o maior número diário desde 24 de janeiro. A task-force do governo para coronavírus também confirmou 568 mortes relacionadas com a Covid-19 nas últimas 24 horas.

9h17 - Economia espanhola tem queda de 0,4% no 1.º trimestre devido à terceira vaga da pandemia.

8h55 - Polícia Marítima interrompe festa com mais de 200 pessoas em Lagos. Foram apreendidas, de acordo com uma nota da Autoridade Marítima Nacional, três colunas de som e várias bebidas alcoólicas. A festa foi detetada pelas 02h00 de ontem, na praia dos Estudantes.

8h53 - Clérigo islâmico indonésio condenado por ter ocultado teste positivo. Um tribunal de Jacarta condenou hoje a quatro anos de prisão um polémico clérigo islâmico indonésio por ter escondido que estava infetado com Covid-19, depois de feito um teste médico, pondo em risco a comunidade de fiéis.

8h50 - Universidade de Oxford testa o fármaco ivermectina para tratar Covid-19. A pesquisa, denominada de 'Principle', será realizada através da comparação de casos de doentes sintomáticos com Covid-19 que irão tomar invermectina e outros indivíduos aos quais não será administrado o fármaco, como parte de um grupo de controle. Os voluntários são pacientes do sistema público de saúde do Reino Unido (NHS).

8h36 - No Reino Unido, três em cada cinco adultos já receberam as duas doses da vacina contra a Covid-19, anunciou hoje o Departamento de Saúde e Assistência Social britânico.

8h24 - A Índia registou 54.069 novas infeções por Covid-19 nas últimas 24 horas, mostraram dados do ministério da Saúde esta quinta-feira.

8h20 - A China administrou mais de 24 milhões de doses da vacina num dia. No total, de acordo com a Reuters, o país já ultrapassou as 1.096 milhões de doses de vacina administradas.

8h15 - Variante Gama (P.1) é mais mortífera e transmissível. Investigadores norte-americanos examinaram 7.548 amostras de doentes brasileiros com Covid-19 e identificaram uma mutação que provoca um aumento vertiginoso na letalidade do novo coronavírus, SARS-CoV-2. No estudo divulgado no jornal Genetic Epidemiology, os autores apontam também que essa mutação foi associada a um grau impressionantemente veloz de transmissibilidade. Sendo atualmente, a estirpe predominante em todo o Brasil.

8h10 - Lisboa é um dos 20 concelhos em risco de recuar no desconfinamento na próxima segunda-feira. A confirmar-se, os restaurantes voltam a ter de fechar depois de almoço aos fins de semana na capital. Na prática, Lisboa recua para as medidas que estiveram em vigor entre 19 de abril e 3 de maio: casamentos e batizados com 25% da lotação; comércio a retalho alimentar aberto até às 21h00 durante a semana e até às 19h00 ao fim de semana; comércio a retalho não alimentar até às 21h00 durante a semana e até às 15h30 ao fim de semana.

O anúncio dos termos concretos da decisão deverá acontecer ao início da tarde, depois de mais uma reunião do Conselho de Ministros.

8h05 - Sete contraordenações por falta de máscara e consumo de álcool no S. João. A PSP elaborou quatro autos de contraordenação por consumo de bebidas alcoólicas na via pública e três por falta de máscara até às 23h00 de quarta-feira, noite de São João no Porto, revelou o subcomissário Eduardo Alexandre.

7h52 - Veja aqui tudo sobre as quatro variantes classificadas de preocupação presentes em Portugal, com transmissão comunitária

  • Alpha
  • Beta
  • Gamma
  • Delta
     

7h40 - O Governo deverá anunciar esta quinta-feira que Portugal não avança para a nova fase de desconfinamento, a 28 de junho, na qual se previa que as lojas do cidadão passassem a funcionar sem marcação obrigatória e que os transportes públicos deixassem de ter restrições à lotação.

Uma possibilidade que ganha mais força depois de o boletim da DGS de quarta-feira ter revelado que o país está na zona vermelha da matriz de risco, depois de ter registado uma subida quer no índice de transmissibilidade, quer na taxa de incidência.

Recorde, abaixo, as medidas previstas que deveriam entrar em vigor na próxima segunda-feira.

7h25 - A Alemanha registou, nas últimas 24 horas, mais 1.008 casos de infeção por Covid-19 e 93 mortes. Em termos acumulados, o país soma 3.724.806 casos da doença e 90.616 vítimas mortais.

7h20 - Assinalam-se hoje cem dias desde que o país iniciou o desconfinamento, na zona verde da matriz de risco. Portugal encontra-se agora com os indicadores de controlo da pandemia de Covid-19 no 'vermelho', com os alertas a soarem em Lisboa e Vale do Tejo.

7h16 - Governo do Brasil nega irregularidades na compra de vacina. Um ministro brasileiro negou na quarta-feira irregularidades nas negociações da compra da vacina contra a Covid-19 Covaxin, acusou o deputado que revelou o caso de "mentir" e informou que o funcionário que fez a denúncia será investigado.

7h05 - O México registou quase cinco mil casos e 342 mortes devido à Covid-19 nas últimas 24 horas, o que eleva para 231.847 o total de óbitos desde o início da pandemia, disseram na quarta-feira as autoridades de Saúde.

7h00 - Bom dia, damos aqui início a um novo registo para acompanhar todas as atualizações relacionadas com a pandemia de Covid-19. Pode recordar o anterior aqui

Leia Também: Cem dias de desconfinamento num país que passou de 'verde' a 'vermelho'

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório