Meteorologia

  • 25 FEVEREIRO 2021
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 15º

Edição

Flórida. "Paramédico do ano" detido por ligação a roubo de vacinas

Paramédico de 31 anos de idade consentiu o roubo de algumas doses da vacina da Moderna por parte de um capitão dos bombeiros locais, que queria vacinar a mãe.

Flórida. "Paramédico do ano" detido por ligação a roubo de vacinas

Um paramédico da Flórida foi detido esta semana por ligação ao roubo de vacinas contra o novo coronavírus, menos de duas semanas depois de ter sido reconhecido pelas autoridades locais como "paramédico do ano".

Joshua Colon, de 31 anos de idade, era responsável pela administração da vacina aos bombeiros do condado de Polk. No entanto, no início deste mês, não conseguiu justificar a falta de três doses da vacina da Moderna que estavam ao seu cuidado, tendo indicado inicialmente que tinham sido deitadas fora, segundo explicou o xerife do condado, Grady Judd, na terça-feira, em conferência de imprensa.

Quando pressionado para explicar a situação por um chefe, Colon admitiu que falsificou documentos de consentimento de toma da vacina com nomes falsos. As doses em falta foram removidas ilegalmente de um frigorífico por um dos supervisores do paramédico, um capitão dos bombeiros, que disse a Colon para fazer um intervalo.

O capitão dos bombeiros, que deverá enfrentar acusações criminais, já tinha pedido anteriormente se poderia vacinar a mãe sem ninguém saber.

Joshua Colon demitiu-se no dia em que foi detido, na segunda-feira.

Leia Também: OMS diz que 75% das vacinas foram usadas em apenas 10 países

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório