Meteorologia

  • 26 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Detido religioso muçulmano condenado por terrorismo em Itália

Um religioso muçulmano condenado em Itália por planear um ataque terrorista foi detido na Noruega sob mandado de prisão italiano, informou hoje a agência de segurança norueguesa.

Detido religioso muçulmano condenado por terrorismo em Itália
Notícias ao Minuto

12:23 - 16/07/19 por Lusa

Mundo Noruega

O mulá Krekar, que nasceu no Iraque, foi detido na segunda-feira à noite, adiantou a agência de segurança PST, sem esclarecer se o homem será extraditado.

A detenção foi anunciada pela agência norueguesa na rede social Twitter, horas depois de um tribunal italiano ter considerado Krekar culpado de tentar derrubar o Governo curdo no Norte do Iraque e criar um califado islâmico, tendo-o condenado a 12 anos de prisão.

O Ministério Público italiano alegou que Krekar, que vive na Noruega, trabalha para a Rawti Shax, uma rede europeia que visa derrubar violentamente o Governo no Curdistão.

O mulá negou todas as acusações e o seu advogado em Itália anunciou que irá recorrer da sentença.

Em 2015, as autoridades europeias prenderam 15 iraquianos-curdos por acusações relacionadas com terrorismo.

De acordo com o Ministério Público italiano, Krekar era o líder da operação da Rawti Shax que recrutou combatentes terroristas estrangeiros para serem enviados ao Iraque e à Síria com apoio logístico e financeiro.

Krekar, cujo nome verdadeiro é Najm al-Din Faraj Ahmad, recusou viajar para Itália, alegando temer ser extraditado para o Iraque após o julgamento.

Mullah Krekar fundou o extinto grupo insurgente de curdos sunitas Ansar al-Islam, que pretendia instalar um califado islâmico no Curdistão iraquiano, e que acabou por se fundir com o grupo Estado Islâmico, em 2014.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório